Entrevista Roberta Stoppa. Em um ótimo ano a atleta recebe o mérito esportivo Panathlon

Roberta Stoppa recebeu o mérito esportivo Panathlon em 2013.
Roberta Stoppa recebeu o mérito esportivo Panathlon em 2013.

Tradicional mérito esportivo Panathlon na categoria mountain bike foi concebido a Roberta Stopa.
Roberta Stopa, atleta da Equipe Terrabike-Multitek, nos diz um pouco sobre o que a temporada de 2013 representou em sua carreira.
“Eu considero que foi uma grande escola, pois com a evolução das atletas mais novas tive que rever todo meu treinamento junto ao Cadu Pollazo para a próxima temporada, onde se inicia o Ciclo Olímpico.”
O foco da atleta agora é 200% nas competições válidas para o Ranking da União Ciclística Internacional (UCI), onde seus resultados favorecerão a oportunidade de conquista da tão sonhada vaga olímpica.
“Correr atrás desse sonhos e aí sim depois ver o que a Confederação Brasileira de Ciclismo irá definir como regra para a seletiva e convocação para qual atleta irá representar nosso País em casa.”
A temporada foi de aprendizado, conquistas e reconhecimento. Ao término de mais um ano, Roberta Stopa foi agraciada com o tradicional mérito esportivo Panathlon, na categoria Mountain Bike em sua cidade natal, Juiz de Fora-MG.
“Esse reconhecimento serve como estímulo na busca pela vaga para as Olimpíadas de que nosso País será sede, vou canalizar essa energia nos meus treinamentos.” Essas foram as palavras da atleta ao agradecer a homenagem na noite de premiação.
Parabéns pela atleta experiente e guerreira que você representa para nosso País. Essa homenagem foi mais que merecida, pois representar e honrar um esporte tão importante como você já faz a 18 anos é muita dedicação , e esse respeito merece ser valorizado.
Em nome de toda Equipe Noispedala desejo a você muito sucesso e muita luz em seu caminho. Que todos seus objetivos sejam alcançados.
Por Giovanna Soares

Entrevista Raiza Goulão: Bicampeã Pan-Americana de MTB teve um ano de ótimos resultados.

Atleta de Mountain bike Raíza Goulão.
Atleta de Mountain bike Raíza Goulão.

Prosseguindo com nossas entrevistas, conversamos com Raiza Goulão que realizou uma excelente temporada, sendo considerada por ela mesma a melhor que teve em sua carreira. Metas foram traçadas e realizadas de forma que alcançou o sucesso que desejava. Resultado de muita determinação nos treinos focados e direcionados com seu treinador  Cadu Polazzo. Planilhas pesadas foram realizadas para conseguir superar grandes batalhas.
Atleta firme e com garra, nos diz sobre a importância do carinho das pessoas em sua carreira:
“O meu sucesso está presente em cada boa vibração que amigos e amantes do Mountain Bike dedicam a mim.”
Em 2014, será o primeiro ano da atleta na categoria elite feminina internacional, onde o nível das competições será bem mais forte e exigente.
“A pressão será bem maior, mas quero muito estar entre as top 20 na Copa do Mundo  e no Campeonato Mundial. Quero ser campeã brasileira, estar entre as top 30 no Ranking da União Ciclística Internacional(UCI), ser Top 20 no Campeonato Mundial e Top 20 na Copa do Mundo.”
Sua carreira está agitada e em cada competição vem conquistando mais seu espaço e marcando seu nome no cenário do MTB Nacional e Internacional.
“Quero me destacar tanto nacional quanto internacional, pois começarei meu ciclo olímpico agora em 2014. Meu foco será buscar a vaga feminina para o Brasil nas Olímpiadas em 2016.”
Nessa temporada a atleta obteve atuações marcantes em competições importantes para a carreira de qualquer ciclista profissional.  Conquistou um fato inédito em nosso País: Bicampeã Pan- Americana Sub-23, e consagrou Campeã  Brasileira, Campeã da 3º etapa na Copa Internacional de MTB , top 6 na Copa do Mundo,  top 11 no Mundial e bicampeã no Campeonato Latino-Americano de MTB.
Podemos ver que essa atleta promete fazer o possível  nesse novo ano que se aproxima  para elevar cada vez mais o nível do mountain bike brasileiro. Parabéns Raiza Goulão pelas suas conquistas em 2013, nós da Equipe Noispedala torcemos por você e junto a todos seus fãs e admiradores desse esporte.
Que 2014 possa ser o ano de grandes realizações para sua equipe Soul Riders. Obrigado pela entrevista e sucesso em sua vida.
“Andar com fé eu vou, que a fé não costuma falhar.” Lema de Raiza Goulão.
Por Giovanna Soares

Entrevista Edivando Souza Cruz. Top 5 nas principais competições da temporada.

Edivando Souza Cruz
Edivando Souza Cruz. Foto: Bruno Fernandes / Noispedala

Mais um ano se finaliza. Podemos dizer que a temporada 2013 foi de grandes conquistas e emoções no mundo do mountain bike. Pensando assim, entrevistamos alguns atletas. O assunto: temporada de 2013 e perspectivas dos mesmo na temporada que se aproxima.
O primeiro atleta foi Edivando Sousa Cruz. Confira o que ele disse à nossa equipe:

Top 5 nas principais competições da temporada.

Experiência o faz conquistar grandes resultados em principais competições como no Campeonato Brasileiro,  Copa Internacional de Mountain Bike,  Shimano Fest e na Taça Brasil. Em 2013, esse atleta completou 20 anos de carreira, tempo que o possibilitou viver com a história do mountain bike desde seu ínicio, participando das inovações e notando as constantes mudanças nesse esporte de grande evolução.
“As bicicletas mudam, as provas mudam, as técnicas de treinamento mudam e você tem que estar sempre se atualizando. É preciso estar atento a tudo que acontece.”
Temporada de superação e novos desafios, Edivando conseguiu manter um equilíbrio em seus resultados com a ajuda do seu preparador Helio Souza, que juntos elaboraram novas estratégias para  finalizar a temporada mais cedo e poder voltar a base no meio de Novembro.
“ A minha intenção não era de estar na melhor forma logo, mas sim de ter mais tempo para treinar e focar em pontos que realmente levam certo tempo para serem construídos.”
Evoluir é a palavra chave do foco desse atleta  para destacar nas principais provas de XCO , isso tudo visando na melhoria de sua classificação para o Ranking Internacional (UCI).
“Teremos um início de temporada importante no Brasil, pois temos num único mês a Copa Brasil, a Copa Internacional de Mountain Bike e o Campeonato Panamericano de MTB.”
Além desses eventos , o atleta que representará novamente em 2014 a Equipe ASTRO/VZAN/PROSHOCK/MEMORIAL-SANTOS, pretende estar em alguns eventos de maratona, que também são de extrema importância para sua carreira.
Feliz com seus resultados de 2013, Edivando Souza esta confiante para a temporada 2014 que será um ano muito importante . A Equipe Noispedala acredita no seu potencial e deseja que muitos outros anos possam ser escritos em sua jornada com sucesso. Boa sorte e obrigado pela atenção.
Por Giovanna Soares

Barbacena sediará o Campeonato Pan-Americano de Mountain Bike de 2014

Evento será realizado pela primeira vez em Minas Gerais e reunirá competidores de 30 países das Américas do Sul, Central e Norte.
img_1_477_28112013_262Na tarde da próxima terça-feira, dia 03 de dezembro, em cerimônia no Hotel Master Plaza, a Prefeitura de Barbacena e a Confederação Brasileira de Ciclismo – CBC assinarão Termo de Cooperação Técnica para a realização do Campeonato Pan-Americano de Mountain Bike de 2014, que acontecerá nos dias 26 a 30 de março. O anúncio foi feito pelo Prefeito Toninho Andrada após reunião com o Presidente da CBC, José Luiz Vasconcelos, que esteve em Barbacena na tarde de quinta-feira, dia 28. Também participaram da reunião no gabinete do Prefeito, o Presidente da Federação Mineira de Ciclismo – FMC, Paulo Aquino, a Secretária Municipal de Comunicação e Informação Social, Fernanda Brasileiro, o Diretor de Fomento Econômico da Agência Municipal de Desenvolvimento – AGIR, Felipe Alvim, Desirée Couri e Andreia Nascimento, da Mais Comunicação, e Felipe Gomes, da Bike Light.

img_0_743_28112013_643Após a reunião, a Prefeitura de Barbacena informou que o Campeonato Pan-Americano de Mountain Bike terá como palco principal as instalações do Parque de Exposição. Será a segunda vez que o Brasil sediará o certame, e a primeira vez que ele acontecerá em Minas Gerais. Em 2013 a Colômbia sediou o Campeonato e em 2015 será o Canadá.

Em breve traremos maiores detalhes.
Por Assessoria de Imprensa Prefeitura de Barbacena

CIMTB: Com disputas emocionantes, chega ao fim mais uma temporada. Confira os campeões

O campeão Henrique Avancini
O campeão Henrique Avancini

Depois de percorrer 5 cidades diferentes e mais de 4.000km, a Copa Internacional Levorin de Mountain Bike (CIMTB) encerra mais uma temporada com chave de ouro na Bahia. Pela primeira vez no nordeste, o maior evento de MTB da América Latina reuniu mais de 300 atletas que pedalaram em três dias de prova na Costa do Sauípe. A cada dia uma nova competição. O primeiro nossas feras encaram  um contra-relógio (XCT), no sábado o short track (XCC) e no terceiro dia uma maratona (XCM).
O lugar paradisíaco recebeu a equipe da CIMTB de braços abertos. Os bikers tiveram a oportunidade de pedalar por um circuito inédito, além de experimentar vários tipos de terreno em um só lugar. A galera da elite disputou acirradamente cada centímetro do percurso.
Pela primeira vez uma prova de XCS (prova de fases com vários dias de competição) acontece no Brasil contando pontos para o ranking da UCI. ”Para nós foi muito importante realizar esta prova no Brasil pela primeira vez. Ela foi um laboratório para a etapa de Araxá que terá mesmo formato e dá um grande número de pontos aos atletas. Por isso atrai atletas da Europa e da América do Sul” ressalta o organizador da CIMTB Rogério Bernades.
Raíza Goulão, atleta da elite feminina, foi a grande vencedora da etapa no Sauípe, mas o título de campeã da Copa 2013 ficou com a mineira Isabella Lacerda. “Desde que eu comecei a pedalar eu sonhava com esse título da CIMTB”, afirma a atleta.
A campeã Isabella Lacerda. Foto: Bruno Fernandes
A campeã Isabella Lacerda. Foto: Bruno Fernandes

Henrique Avancini foi o nome da copa deste ano. O atleta levou para casa o título de campeão da temporada, mas quem levou a vitória no Sauípe foi o belga Frans Claes que teve que lidar o tempo todo com o forte calor, além da pista que era totalmente novidade para ele. “A temperatura estava muito alta, sempre acima dos 30ºC. Eu não estou acostumado a competir nessas condições e a pista é totalmente diferente do que tem na Europa, talvez porque seja próxima do mar. Eu fiz o que tinha que fazer. Trabalhei pesado e consegui fazer uma corrida maravilhosa e fiquei muito satisfeito com a vitória”, conclui.
O atleta belga Frans Claes. Foto: Bruno Fernandes
O atleta belga Frans Claes. Foto: Bruno Fernandes

Essa foi a primeira vez na história que um atleta de outro país ganha uma etapa da CIMTB.  A vitória foi conquistas nos pequenos detalhes: apenas 32 segundos de diferença no tempo acumulado nos três dias de prova.
Uma das atrações da pista foi o Coco Garden- um trecho de areia, a beira-mar, coberto com cascas de coco- onde era possível curtir o visual daquela região que é um dos mais bonitos da Costa do Sauípe.  De um lado podemos contemplar o azul do mar, e do outro uma lagoa, além dos condomínios Quintas Private e Casas de Sauípe da Odebrecht.
Super Elite
O ano de 2013 foi extremamente emocionante. Alguns nomes como Erika Gramiscelli, Raiza Goulão e Isabella Lacerda já eram favoritos para o título da temporada.
O ano começou bem para a hexacampeã, Erika Gramiscelli, que abriu a temporada 2013 conquistando o pódio em Araxá, Minas Gerais. Raíza Goulão, de apenas 23 anos, deu muito trabalho na temporada e mostrou todo seu potencial vencendo a terceira etapa em Divinópolis, Minas Gerais. Mas esse ano era da Isabella Lacerda que disparou na liderança na terceira etapa e de lá pra cá, foi difícil para as meninas da elite tirarem a diferença de pontos.
Na elite masculina, quem começou bem o ano foi Rubinho Valeriano, campeão de 2012. Rubinho conquistou o pódio em Araxá, mas viu Ricardo Pscheid conquista a etapa de São João e Avancini levar o primeiro lugar em Divinópolis e Congonhas. Apesar de ganhar apenas uma etapa, Rubinho só perdeu a liderança na quarta etapa. Durante a grande final, Rubinho deu muito trabalho ao líder Avancini, mas ao chegar em 6º na última prova viu o adversário conquistar o título da temporada.
CIMTB classificação geral
As disputas foram super acirradas em todas as  categorias da CIMTB. Na categoria Junior, José Gabriel Marques foi quem pedalou mais e levou o campeonato para casa. O dono do primeiro lugar na sub-15 foi o pequeno Lucas Sirio que fez uma ótima campanha este ano e promete ser uma das revelações do MTB.
Já na categoria Sub-17 quem mandou bem foi Gilberto Cézar Filho que chegou ao Sauípe na segunda colocação e garantiu o primeiro lugar da Copa. Frederico Nascimento Mariano chegou à final com uma diferença de 2 pontos de vantagem e garantiu na raça o campeonato na sub-23.
Na sub-30, Juliano Mariano chegou com 60 pontos de vantagem e confirmou o favoritismo ao conquistar o título. Marcelo Manoel da sub-35 foi mais um atleta que manteve a liderança e pegou o primeiro lugar geral. O atleta Silvio Amorim da Su-40 correu atrás da diferença de pontos e tirou a medalha de campeão das mãos do Marconi Ribeiro.
Abraão Azevedo, da Sub-45, manteve a liderança e papou o título 2013. Luiz Neto, da Sub-50, foi mais uma atleta que chegou ao Sauípe líder e manteve a colocação levando pra casa o campeonato da temporada. O mesmo aconteceu com o biker Dorivaldo Abreu que conquistou a Copa na categoria Sub-55.
O ciclista Dilermando Neto confirmou seu favoritismo ficando com o primeiro lugar na Sub-60. Hélio Vilela foi o grande nome da over-60 e comemorou muito quando subiu ao pódio.  Na turma da categoria para-desportistas, quem mandou bem foi o biker Jefferson Spimpolo. Parabéns, campeão.
Copa Amadores
A galera da Copa Amadores também fez bonito na grande final e deu um show de competitividade. Wesley Alves, da categoria Cadete, chegou à Bahia na frente e fez uma boa prova, garantindo assim o campeonato deste ano. Na categoria dupla mista, Gustavo Moraes e Soraya Moraes que pegaram pódio em Congonhas, repetiram o bom desempenho e levaram a melhor também no Sauípe. Fernando Aguiar e Ruben conquistaram o primeiro lugar da dupla over 81.
Enquanto isso,  na dupla sub-60, o favoritismo não foi confirmado e Fabio Lima e Antonio levaram o campeonato para casa. Na categoria dupla sub-70, Hudson Santos e Vitor Aguiar se destacaram dos demais nas duas últimas etapas e garantiram o primeiríssimo lugar. Os bikers André Silva e Márcio Gouveia foram os melhores na categoria sub-80.
A etapa na Bahia foi super tranquila para Gabriel Henrique Tonhão que já chegou em terras baianas como campeão da Expert. Na mesma situação que Gabriel estava Raquel Gontijo que foi ao Sauípe apenas para cumprir calendário. A atleta já chegou como campeã da categoria feminina over 40.
Outra atleta que já chegou à quinta etapa como campeã foi a Jaqueline Leal. A ciclista competiu com uma vantagem de 140 pontos em relação às outras belas da categoria feminina sub-23. Daniela Vieira foi o nome da feminina sub-40, pois fez uma excelente campanha neste ano. O biker Kairo Gratão também chegou tranquilo para a competição e faturou a medalha de campeão da temporada 2013 na Segurança Pública. O atleta Deilton Fernandes, da categoria Veterano, também chegou ao Sauípe com uma vantagem de pontos, mas precisou pedalar para conseguir se manter em primeiro e levar o campeonato.
Agora é começar os trabalhos para preparar mais uma temporada para nossos campeões. Em 2014 voltamos com tudo.
Por Assessoria CIMTB

CIMTB Sauípe: Henrique Avancini e Isabella Lacerda conquistam título inédito

IMG_0175
O domingo (6) começou agitado na Arena Sauípe. Mais de 300 bikers largaram para mais uma etapa da Copa Internacional Levorin de Mountain Bike (CIMTB). Atletas brasileiros, do Chile, Equador e da Bélgica fizeram da quinta etapa da CIMTB umas das mais emocionantes da temporada.
A largada foi dada às 8h da manhã, e a partir de então estava em jogo o título da etapa que seria disputado em três dias de provas, além da decisão de quem seria os grandes campeões da temporada 2013. Na superelite masculina, Henrique Avancini chegou ao Sauípe como líder, mas a diferença de pontos em relação ao Rubinho era pequena, e a situação podia mudar a qualquer momento.
Avancini venceu a prova Contra Relógio e respirou aliviado, mas no sábado de manhã (5), quem dominou o Short Track foi Rubinho Valeriano. E foi assim que os atletas foram para a pista: sem nada definido.
Na primeira volta no circuito de 21 km, Henrique Avancini liderou o pelotão e abriu vantagem, mas na última volta foi surpreendido pela ultrapassagem do belga Frans Claes que pedalou todo tempo no mesmo ritmo e conseguiu ultrapassá-lo nos minutos finais levando para a Bélgica o título de campeão da CIMTB Sauípe 2013.
Mas a chegada mais aguardada era de Avancini ou Rubinho Valeriano que estavam brigando diretamente pelo título. E assim que apontou, Avancini começou a comemorar a conquista da temporada 2013 da CIMTB. Segundo o campeão, a prova foi muito difícil. “Hoje eu tive que me defender muito do Rubinho e do Pscheidt, mas no final da terceira volta o Frans me alcançou. Eu tive que levar no limite porque eu realmente queria fechar este ano com a vitória na copa. Eu estou muito feliz” descreve.
IMG_0090
De acordo com Avancini, o campeonato deste ano foi muito difícil, pois explorou todas as modalidades domountain bike. “Foi complicado manter essa regularidade e principalmente se preparar para esta etapa. No campeonato mundial eu sofri uma queda e tive que ficar dez dias sem treinar e isso atrapalhou muito esse final de temporada, mas no fim deu certo” explica.
A situação na elite feminina era completamente diferente. Isabella Lacerda chegou a grande final com uma vantagem de 51 pontos. Só tinha dois fatores que tirariam o título dela: terminar a prova na 10ª posição ou quebrar a bike.
Raiza Goulão chegou à Bahia na terceira colocação, mas mostrou toda sua força ao conquistar o primeiro lugar da prova de sexta. Durante a maratona (XCM) de domingo, Raiza liderou toda prova, mas na cola estava a equatoriana, Alexandra Serrano, que deu trabalho na prova de short track e ganhou com tranquilidade no sábado (6). 

Após 2 horas e 2 minutos de prova, Raiza Goulão passou pela linha de chegada em primeiro lugar e escreveu seu nome na Copa como a primeira campeã da etapa do Sauípe. Em seguida, Alexandra Serrano chegou à arena com 2 horas e 3 minutos. Enquanto o público aguardava para ver quem era a terceira colocada, Isabella Lacerda apontava na entrada do evento comemorando o título inédito em sua carreira.
Após passar pela chegada, Isabella não se conteve e deixou as lágrimas caírem. Um choro de alegria e sensação de missão cumprida. Ao descer da bike, a atleta se ajoelhou olhando para o céu. “Vim muito focada para esta prova, e sabia que a gente teria muito calor e muito areia. Eu só tinha em mente que tinha que dar o meu melhor e pedalar forte para chegar, mas graças a Deus deu tudo certo” comemora.
Segundo Isabella ser campeã da CIMTB era seu objetivo para este ano. “Eu estabeleci essa meta. Queria ser campeã da CIMTB, e com as duas vitórias na copa eu consegui ganhar uma boa vantagem para chegar hoje aqui” explica. Mesmo com a vantagem, Isabella não deixou de treinar muito e nem perdeu o foco ao longo dos meses.
IMG_0108
Confira aqui o resultado oficial da CIMTB Sauípe 2013
Por Assessoria CIMTB

Entrevista: Raiza Goulão fala sobre sua carreira e o Campeonato Mundial de MTB

A emocionante vitória de Raiza na etapa de Divinópolis da CIMTB.
A emocionante vitória de Raiza na etapa de Divinópolis da CIMTB.

A atleta Raiza Goulão, bicampeã Pan-americana e Brasileira de MTB, nos concedeu uma entrevista contando sobre como é deter títulos em dois eventos de grande importância para qualquer atleta do ciclismo profissional. Com apenas 22 anos, a ciclista esbanja profissionalismo e conhecimento ao dar sua opinião sobre o ciclismo no país e fala um pouco de sua carreira. Ser representante da Seleção Brasileira de MTB é sinal dos seus esforços e reconhecimento merecido no esporte.
Raiza começou no mercado de trabalho com 16 anos, e durante esse período obteve um interesse em montar uma bike para passeio e diversão. Aos poucos foi gostando do esporte e se apegando, até que, no final de 2009 resolveu participar de uma prova de MTB em Pirenopólis–GO, sua cidade natal. Durante a prova chegou a pensar em desistir e nunca mais pegar a bike pois o sofrimento era grande, mas assim que cruzou a linha de chegada a sensação de superação foi inexplicável e inesquecível. Isso foi o que realmente a fidelizou nesse mundo do ciclismo, onde profissionalmente segue desde 2012 na equipe Soul Cycles.
Essa atleta vem tendo destaque nas competições nacionais e internacionais. Mas o evento que está visando desde o início da temporada é as Olimpiadas de 2016.
“Este é o meu objetivo a longo prazo, tracei com meu treinador Cadu Polazzo. Ano que vem começamos o ciclo olímpico onde pretendo participar e quem sabe poder passar uma temporada realizando competições internacionais onde irei adquirir um ritmo de corrida maior e ter condições de buscar resultados para o Brasil.”
Bicampeã pan-americana, conquistado na disputa em Tafi Del Valle, na Argentina que  motivou ainda mais essa atleta ao voltar para casa e se dedicar em seus treinos. Dedicação que a consolidou como uma grande atleta promissora a conquistar um ouro olímpico na elite feminina da Seleção Brasileira.
“Fico muito feliz em poder participar da seleção brasileira de MTB, onde esse ano contamos com 3 provas internacionais e de grande ajuda a todos nós atletas convocados. Espero poder continuar trazendo grandes títulos ao nosso país e quem sabe vitórias internacionais. Acho que buscar uma medalha olímpica é um sonho surreal, mas acho que devemos sempre nos dedicar e sonhar grande. Serão 2 anos longos de provas onde teremos que conquistar muitos pontos para nossa nação e buscar uma vaga no feminino, e espero poder contar com o apoio da CBC nessa missão.
Em duas oportunidades, Raiza sentiu uma sensação indescritível: na vitória da Copa Internacional de Mountain Bike e ao finalizar na Copa do Mundo como top 6.
A CIMTB é o maior evento que temos em nosso país, onde contamos com uma grande estrutura. Segundo a atleta onde podem aproveitar ao máximo a estrutura que o evento os proporciona, além de contarem com algumas pistas bem legais.
“Buscar essa vitória  é sempre um sonho, e quando conquistamos, a sensação é indescritível, pois ali você está competindo com os melhores atletas de nosso país. Contamos com toda a mídia do mountain bike, então as notícias correm e é muito legal poder contar com essa estrutura. Além de contarmos com um ambiente rodeado de atletas e  equipes, todos convivendo no mesmo local. Acho que é um exemplo para as demais provas que acontecem no Brasil.”
Pan-americano 2013. Créditos: Divulgação.
Pan-americano 2013. Créditos: Divulgação.

Estar entre as 6 melhores do mundo: “Apesar de perder a 5º colocação de bobeira, mas acho que o que conta também é a experiência que adquiri e fiquei muito feliz. Pois eu estava competindo em uma das pistas mais técnicas que conta nos circuitos das Worlds Cups. Em 2011 fiz a 17º e este ano consegui a 6º colocação, isso só me motivou e me provou como estou conseguindo crescer no MTB. Espero um dia poder voltar com a medalha de ouro”.
Um grande diferencial é que Raiza nunca se deixa abater, independente dos imprevistos que se passa nessa vida de atleta, onde ela afirma não ser nenhum mar de rosas, porém a paixão é muito maior. Essa paixão que alimenta a sua garra de relevar várias situações no MTB.
Definindo sua trajetória ela diz: “Além de ter passado uma fase de transição complicada, agora já conto com uma equipe muito legal onde tenho meu treinador e o acompanhamento do nutricionista Mario Flavio Cardoso. Me dedico aos treinos 7 vezes por semana, onde só tiro um dia de OFF e pratico Yoga. O contato com meu treinador é muito frequente para traçarmos nossos objetivos de acordo com meu calendário de provas, e já com o nutricionista, mantenho sempre pois considero fundamental a alimentação, pois é um combustível para nós atletas.”
Um dos trechos técnicos da pista do Campeonato Mundial de MTB.
Um dos trechos técnicos da pista do Campeonato Mundial de MTB.

A maior conquista na vida relacionado a bicicleta: “Bicampeonato do Pan-Americano e a vitória da etapa da CIMTB em Divinópolis.” Maior desafio em sua carreira: “A 6º colocação na World Cup, pois ali estavam muitos atletas do Canadá, onde pensei que não andaria bem e elas conheciam o circuito de olhos fechados. E a vitória em Divinópolis esse ano pois foi uma prova muito disputada.”
Objetivos da carreira: Olimpíadas 2016 e 2020. Ser campeã brasileira na Elite Feminina. Top 10 do Mundo e pegar um pódio no Mundial.
Opinião sobre o MTB nacional: “Acho que só está crescendo cada vez mais, onde está caindo no gosto do povo. É um esporte que necessita de muito mais apoio e mídia envolvida também para podermos sermos vistos e reconhecidos em todo o Brasil. Mas é um esporte onde temos contato com a natureza, fazemos sempre novas amizades e conhecemos lugares incríveis onde somente a bike nos leva.”
Recado para aqueles que desejam almejar bons resultados no ciclismo: “Sempre gosto de dizer para sempre corrermos atrás de nossos sonhos, mesmo que passemos por barreiras. Devemos saber contornar as situações e fazer a nossa paixão pela bike ser maior e não se acabar. Sempre digo a mim mesma: DEDICAÇÃO, DETERMINAÇÃO, SUPERAÇÃO E FÉ.”
Atleta de ponta, nomeada com uma das melhores do mundo devido seu potencial,  Raiza Goulão está na concentração para nessa sexta-feira competir com muita determinação o Campeonato Mundial de MTB na África do Sul. O seu primeiro contato com a pista não foi muito agradável mas já esta revertendo a situação.
“Ontem tinha me assustado, voltei para o hotel bem desmotivada, pois a pista é bem técnica e feita praticamente inteira a mão para nós atletas. Com grandes drops, rock garden, onde me surpreendeu por não contarmos com tais obstáculos destes em nosso país. Mas hoje dei uma volta na pista onde já pude analisar outras linhas e ver melhores opções de encarar todos os desafios com confiança.”
Raiza acha que será uma prova muito dura. Além de contar com as melhores atletas do mundo, o clima está muito seco e quente, e ela está demorando a se adaptar. Mas esperamos como ela que possa finalizar a prova entre as top10. Sabe que é um objetivo muito difícil, mas é isso que vai focar e concentrar.
Lema: “Andar com fé eu vou, porque a fé não costuma falhar.”
Raiza Goulão, atleta que hoje pudemos notar que é ousada e determinada. Seu foco em um objetivo é a visão do horizonte para alcançar seus sonhos. A equipe Noispedala agradece sua atenção e pode ter certeza que poderá sempre contar com o nosso respaldo e de todos seus fãs e amigos. Boa sorte campeã, sucesso e tudo de bom em sua vida.
A categoria Sub 23 onde terá a presença dessa atleta promissora vestindo a camisa do Brasil terá a largada as 8 horas da manhã , nesta sexta feira (30/08), segundo o horário de Brasília. Vamos acompanhar e torcer para que ela possa conquistar mais um resultado inédito para o Brasil.
Por Giovanna Soares

CIMTB Sauípe: inscrições abertas. Garanta sua vaga

CIMTB Sauípe
CIMTB Sauípe

Foi dada a largada para a quinta e última etapa da CIMTB 2013. Entre os dias 04 e 06 de outubro, o Sauípe, Bahia, sediará a grande final da Copa Internacional Levorin de Mountain Bike (CIMTB). Serão três dias de provas para a Super Elite e Elite Feminina. Na sexta, os atletas da elite encaram um desafio Contra Relógio (XCT). A prova de Short Track (XCC) promete esquentar os ânimos dos bikers durante o sábado. No domingo, dia 6, será realizada a prova da grande final no formato maratona (XCM) para todas as categorias da CIMTB e Copa de Amadores.
Pela primeira vez o Sauípe será sede de uma etapa da Copa. Diferente da etapas anteriores, o circuito da grande final irá proporcionar todos os tipos de terreno para os atletas: terra, matas selvagens, praias, lagos, campo de golfe, rios estão no caminho do bikers  que terão que percorrer cerca de 6 quilômetros da pista de MTB.
As inscrições para a etapa vão até o dia 22 de setembro com valores promocionais. Quem não correu em nenhuma etapa deste ano também pode se inscrever e sentir a emoção de pedalar no maior evento esportivo da América Latina. Para fazer a inscrição é fácil: clique aqui e siga o passo a passo até o final. A inscrição só será confirmada após o pagamento do boleto bancário. Não fique de fora!

INSCRIÇÕES PROMOCIONAIS ATÉ 22 DE SETEMBRO

Copa Internacional de MTB – Elite Masculina, Sub23 e Elite Feminina (3 dias de prova)
Para quem estiver hospedado na Costa do Sauípe R$ 180,00. Para o atleta que não ficar
hospedado na Costa do Sauipe R$ 475,00 incluindo a inscrição e Day Use com café da
manhã, almoço e café da tarde nos três dias de competição.
Copa Internacional de MTB – Todas as outras categorias
Para quem estiver hospedado na Costa do Sauípe R$ 100,00. Para o atleta que não ficar hospedado na Costa do Sauipe R$ 165,00 incluindo a inscrição e Day Use com café da manha, almoço e café da tarde domingo
Copa de Amadores
Para quem estiver hospedado na Costa do Sauípe R$ 65,00. Para o atleta que não ficar hospedado na Costa do Sauipe R$ 130,00 incluindo a inscrição e Day Use com café da manha, almoço e café da tarde domingo.

TREINAMENTO NO COMPLEXO DO SAUÍPE

O atleta que quiser treinar no sábado de 11h às 16h30, curtir a praia e acompanhar as provas da Elite, deve adquirir um Day Use especial no valor de R$ 65,00 incluindo café da manhã, almoço e lanche da tarde.
Cada atleta pode levar um acompanhante pagando R$ 65,00 pelo Day Use e isso deverá ser adquirido no momento da inscrição. As demais pessoas pagarão R$ 100,00 pelo Day Use com café da manha, almoço e café da tarde incluído ou R$ 170,00 pelo Day Use All Inclusive (alimentação e bebidas) no resort.
Para mais informações, acesse o regulamento
Por Assessoria CIMTB