Etapa de São Lourenço da Copa Internacional de MTB embolou a disputa para a vaga no Pan do México

Edivando Souza Cruz venceu na super elite masculina
Edivando Souza Cruz venceu na super elite masculina

Surpreendente e emocionante. Estas são as melhores palavras que definem a segunda etapa da Copa Internacional Banco do Brasil de Mountain Bike categoria Crosso Coutry(modalidade olímpica), que aconteceu em São Lourenço, Minas Gerais neste domingo, dia, 19 de junho.
Roberta Stopa e Edivando Souza Cruz foram os vencedores da etapa e embolaram a luta por uma vaga nos jogos panamericanos de Guadalajara, no México. Na elite masculina Edivando Souza Cruz lidera a corrida para o México por apenas um ponto.
Com 113 pontos, enquanto o mineiro de Guaxupé, Rubens Donizete está com 112. Daniel Zóia foi o segundo colocado em São Lourenço. Entre as mulheres, mesmo com o segundo lugar, Érika Grasmicelli(na etapa de Araxá, ela também ficou em segundo), de Belo Horizonte. Está à frente pela vaga das mulheres também por um ponto de diferença: 126 a 125. Roberta Stopa, vencedora em São Lourenço é a segunda colocada. “Agora está tudo indefinido e é focar os treinos para beliscar essa vaga para o Pan”, disse Edivando Souza Cruz, vencedor da prova de São Lourenço.
A prova contou com delegações de Chile e Argentina que deram muito trabalho aos brasileiros na primeira etapa em Araxá, ficando com a maioria das boas colocações no pódio, ficando inclusive com o primeiro lugar no feminino. Em São Lourenço  os brasileiros vieram com muita força.  “Tinha três ‘gringas’  e não podíamos dar mole. Agora é lutar firme pela vaga no Pan no Brasileiro”, disse Roberta Stopa, vencedora da elite feminina.
A próxima etapa da Copa Internacional Banco do Brasil de Moutain Bike será nos dias 20 e 21 de agosto na cidade histórica de Congonhas, em Minas.
Além da disputa apertadíssima pelo Panamericano, o título da Copa Internacional Banco do Brasil ainda está em aberto. Congonhas mais uma vez decidirá quem leva para cãs o título da única competição classe 1 da América do Sul. Para decidir quem fica com a vaga jogos, acontecerá um Campeonato Brasileiro de MTB no próximo mês em São Paulo.
Por: Assessoria CIMTB

Resultado oficial Copa Internacional Banco do Brasil de MTB – São Lourenço 2011

Confira o resultado oficial da Copa Internacional Banco do Brasil de MTB, que agitou São Lourenço neste fim de semana com participação de cerca de 700 atletas.

Copa Internacional Banco do Brasil  Pontuação da terceira largada- Elite feminino, Júnior, Sub 30 e Sub-23
Copa Internacional Banco do Brasil  Pontuação por Categoria Segunda Largada
Copa Internacional Banco do Brasil  Pontuação Superelite-Terceira largada
Copa Internacional Banco do Brasil  Resultado elite feminino, sub-23, e sub-30
Copa Internacional Banco do Brasil  Resultado segunda largada por categoria-Copa Internacional
Copa Internacional Banco do Brasil  Resultado Superelite-Masculina
Copa Internacional Banco do Brasil  Tempo por volta segunda largada-Copa Internacional
Copa Internacional Banco do Brasil  Tempo por volta-Terceira largada
Copa Internacional Banco do Brasil  Tempos por volta da primeira largada
Copa Centauro de Amadores  Pontuação por categoria Copa Centauro
Copa Centauro de Amadores  Resultado Copa Centauro por categoria

Stopa e Pscheidt vencem o Circuito Shimano de Short track em São Lourenço

Foi realizado a instantes atrás em São Lourenço a segunda edição do Circuito Shimano de short track.
A prova foi disputada por categorias, com destaque para as categorias elite masculino e elite feminino que reuniu os melhores atletas do mountaim bike sul americano.

Stopa e Pscheidt vencem o Circuito Shimano de Short track em São Lourenço
Stopa e Pscheidt vencem o Circuito Shimano de Short track em São Lourenço

Na categoria elite masculino, Ricardo Pscheidt foi o grande campeão, seguido por Gilberto Góis e Kleber Souza do Nascimento.
Já na elite feminina, vitória brasileira com Roberta Stopa que sempre vem vencendo as provas de short track. A segunda colocada foi a chilena Daniela Rojas e Erika Gramiscelli foi a terceira.
Também foi realizada a prova da categoria mirim e da categoria imprensa.
Na categoria imprensa, a colocação foi a seguinte:
1o Bob Nogueira (Bike Action)
2o Marlen (Tripp)
3o José Antônio (Brasa Bike)
4o Alessandro (Score Tools)
5o Luiz (Shimano)
6o Cesar Cajanini (Bike News)
No fim da manhã e no período da tarde, a pista está aberta para treinamentos e a grande novidade na pista é o descidão CIAO.

Confira as fotos

[nggallery id=241]
 

Organização da CIMTB elabora folheto com informações de como torcer em uma prova de MTB

A novidade de Araxá, também será disponibilizada em São Lourenço. A organização da Copa Internacional de Mountain bike, liderada por Rogério Bernardes, lançou um folheto informativo onde todos os expectadores que acompanharão a etapa, poderão ficar informados de como acompanhar com segurança os melhores momentos da prova.
No mesmo folheto também é possível verificar a programação oficial do evento.
Confira:
Como torcer em uma prova de MTB

Shimano realiza treinamento para mecânicos e atletas na Copa Internacional de MTB em São Lourenço

Uma das grandes novidades da Copa Internacional de MTB para 2011, é a realização de treinamentos técnicos para mecânicos e básico para atletas.

Curso Shimano em São Lourenço
Curso Shimano em São Lourenço

Segundo João Magalhães, será apresentado uma palestra técnica voltada aos atletas, focando em dicas sobre mecânica emergencial para uma prova de MTB. Como o atleta pode lidar com diferentes situações e evitar que um problema comum que ocorre durante uma prova o tire da competição.
A palestra será apresentada pelo técnico Luiz Palaro. Dúvidas serão sanadas, como por exemplo, sobre os freios à disco e tecnologia Dyna-sys. Lembrando apenas que esta é uma palestra e não um treinamento técnico prático.
Já para mecânicos, será uma palestra mais técnica, com um conteúdo mais específico.
A equipe do Noispedala participou da palestra voltada para atletas e a equipe Band Bike da palestra para profissionais. Ambos avaliaram positivamente a palestra e deixam registrado aqui a recomendação.
Quem desejar participar, deve enviar os dados pessoais (Nome completo, RG e endereço) para o e-mail treinamento@shimano.com.br. As vagas são limitadas e a inscrição é gratuita.

749 atletas participarão da segunda etapa da Copa Internacional Banco do Brasil MTB em São Lourenço

749 inscritos na etapa de São Lourenço da Copa Internacional Banco do Brasil de MTB
749 inscritos na etapa de São Lourenço da Copa Internacional Banco do Brasil de MTB

A Copa Internacional Banco do Brasil de MTB fechou o número de inscritos para a etapa de São Lourenço, que é seletiva para os Panamericano do México e já conta pontos para a Olimpíada de Londres, em 2012. Mesmo com o frio da cidade do Sul de Minas, 749 atletas se inscreveram e irão encarar o frio e claro os desafios do circuito do Parque da Ilha, local da prova. Mais uma vez a organização da prova trouxe uma inovação que funcionou muito bem em Araxá. O conceito de “descidão” que aproxima o público aos atletas durante a prova. Somando-se com os mais de 900 inscritos em Araxá, já arrematamos mais de 1600 competidores nas duas etapas.
Em São Lourenço, o descidão Ciac, parceira da Copa, está criando grande expectativa nos atletas. Durante a preparação da pista, alguns atletas que estão na cidade e amadores ficaram “animados” com o descidão.
Lembrando que somente a Super Elite Masculina e Elite Feminina terão acesso ao trecho com o descidão Ciac por questões de segurança. Os 749 heróis que estarão em São Lourenço mostram o motivo da Copa Internacional Banco do Brasil de MTB ser a única competição classe 1 da América do Sul: quem compete aguarda ansiosamente pelo evento. Sejam bem-vindos e obrigado caros atletas. Temos certeza que será mais uma etapa de sucesso.

Cobertura TV Noispedala: CIMTB Levorin São Lourenço

Aí galera que acessa o Noispedala. Gravamos um programa especial durante a etapa de São Lourenço da Copa Internacional Levorin de MTB. Fique ligado em todos os detalhes e deixe seu recado. Sua participação é importante para sabermos se estamos no caminho certo.

Imagem e Edição: Renato Amaral
Reportagem: Bruno Fernandes
Fotos: Alysson Kuririn e Flávio André.

Encerrada a segunda etapa da Copa Internacional Levorin de MTB, que aconteceu nesse fim de semana (12 e 13 de junho) em São Lourenço, MG, alguns atletas já começam a despontar com grande favoritismo para ficar com o título da competição. Mas, na grande maioria das categorias, a briga promete ficar mesmo para a Grande Final, em Congonhas, nos dia s 22 e 23 de agosto.
A prova aconteceu no Parque da Ilha Antônio Dutra e contou com um circuito de 6.130 metros que exigiu muito dos competidores não só na parte técnica como principalmente na parte física. “É um circuito técnico, mas que exige muita força dos competidores. As subidas são muito fortes e forçam o atleta no máximo. Eu adoro a pista de São Lourenço”, comentou Rubens Donizete.
Ao todo, 650 atletas participaram da prova. Principalmente quem participou da primeira largada, às 7h55 da manhã teve um adversário extra além dos competidores: o frio. A temperatura na cidade chegou a 3º C faze ndo com que o desafio de completar a prova fosse ainda maior.
Na categoria sub-13, o paulista Ivan Gomes Ferrari conquistou a vitória mas quem comemorou mesmo foi Edilberto Aristo Júnior que ficou em segundo lugar e assumiu a liderança da competição. Agora, ele vai para Congonhas com vantagem em relação a Higor Silva Ferreira e Lucca Venditti, seus principais adversários na briga pelo título.
O mineiro Jhefferson de Paiva não deu a menor chance aos seus adversários e venceu na sub-15 com mais de quarenta segundos de vantagem sobre o segundo colocado, Bruno Luz. Com a vitória, ele ultrapassou Kéverson Alves e assumiu a liderança da cat egoria.
Entre os menores de dezessete anos, mais uma vitória dos paulistas. Nicolas Sessler, que já havia vencido em Araxá, conseguiu mais um primeiro posto e já abriu boa vantagem na disputa pelo título. Brunno Sampaio, que chegou na segunda posição e Breno Henrique, terceiro colocado, terão muito trabalho em Congonhas se quiserem tirar o título do ribeirãopretano.
Na Júnior, o gaúcho William Alexi aproveitou-se da ausência de Felipe Cocuzzi para conquistar a vitória e a liderança da competição. João Paulo da Silva, que ficou na terceira colocação nas duas etapas, é o vice-líder do campeonato.
Frederico Mariano, de Uberaba, fez uma prova sensacional na categoria sub-23 e embolou a disputa pelo título. Ele abriu mais de um minuto de vantagem sobre o favorito Sherman Paiva e agora os dois chegam em Congonhas disputando o título de igual para igual.
Sherman chegou a liderar boa parte da prova mas não agüentou a pressão do adversário e acabou terminando na segunda colocação. Destaque também para o campeão argentino Rodrigo Darnay que, em sua estreia na Copa Internacional, terminou na terceira colocação muito perto de Sherman.
Na categoria PNE, o atleta Jefferson Spimpolo venceu novamente e abriu boa vantagem na briga pelo título. Izaías Costa novamente foi o segundo colocado. Estreando em equipe nova, o atleta agora faz parte da equipe Levorin, Jefferson estava muito satisfeito com a vitória. “É bom estrear na equipe assim, com vitória. Com o novo projeto, tenho certeza que conseguirei resultados ainda melhores”, disse.
Elite Feminina e SuperElite Masculina
A presença das argentinas Noelia Rodriguez e Leila Luque na segunda etapa da Copa Internacional Levorin de MTB fez com que o campeonato ganhasse muito em emoção na categoria. Antes da prova, as principais atletas brasileiras fizeram muitos elog ios à organização da competição por viabilizar a presença estrangeira.
“Acho ótimo correr contra novas adversárias porque, no final, a gente acaba estagnando de correr sempre contra as mesmas rivais. A chegada delas motiva e aumenta ainda mais a emoção da competição”, comentou Érika Gramiscelli.
Roberta Stopa também elogiou a chegada das novas adversárias. “É ótimo para a nossa evolução contar com mais competidoras de alto nível. Faz com que a prova fique mais emocionante, mais disputada e aumenta a adrenalina”.
Terminada a prova, os resultados mostraram que os elogios das atletas brasileiras eram bem fundamentados. Noelia Rodriguez e Leila Luque andaram muito forte e fizeram uma belíssima prova, conquistando a dobradinha. Entre as brasileiras, o resultado fez com que a disputa pelo título ficasse totalmente em aberto.
Érika Gramiscelli, que terminou a prova na terceira colocação, assumiu a liderança do campeonato com apenas um ponto de vantagem sobre Julyana Machado, vice-líder e nove pontos a mais que Roberta Stoppa, terceira colocada. Agora, as três chegam à Congonhas com grandes chances de título.
Se entre as mulheres a disputa está acirradíssima, entre os homens Rubens Donizete aparece como o principal favorito ao título. Se vencer o campeonato, Rubens será o primeiro tricampeão da história da competição na categoria Superelite.
O mineiro venceu mais uma vez a prova, depois de um belo duelo com Thiago Aroeira nas primeiras voltas e poderia estar ainda mais folgado na liderança se não fosse uma espetacular recuperação de Ricardo Pscheidt, que depois de não ter conseguido uma boa largada, terminou na 3ª posição e assumiu a vice-liderança.
Patos de Minas
O patense melhor colocado foi Sílvio Amorim (OCE, Medley Natação, Cia do Corpo e Sonobom) na categoria Sub 40. Ele completou as quatro voltas na terceira posição, ficando com o segundo lugar na Copa.
José Gonçalves (Star Bike, Proshock, Liga Patense de Ciclismo) foi o 26º colocado e completou as quatro voltas em 01h23min49.
Júnio Alves Vieira (Cemil, Star Bike)  que participou da prova resfriado, foi o 16º na categoria superelite, que engloba os atletas profissionais. Ele está em 12º no geral na Copa.
Já na Copa Centauro, Flávio Durval (Acase) foi o 25º na cadete e Antônio Carlos Trindade (Acase) o 40º. Robson Marques de Sousa na mesma categoria teve problemas na última volta.
Na categoria Feminino Sub 40, Ana Paula Silva (Bike Show) ficou com a prata, completando as duas voltas em 01h e 49 segundos.
Outras categorias
Na categoria sub-30, muita disputa pela vitória que ficou com Gustavo Santos, de Lagoa da Prata. Ele travou uma grande disputa com os também mineiros Ricardo Xavier e Caio Paixão que, com a terceira colocação, assumiu a liderança da competição.
Depois da segunda colocação em Araxá, Marconi Ribeiro chegou em São Lourenço disposto a não deixar a vitória escapar mas, para isso, teve muito trabalho. Enoque Filho e Luiz Carlos Júnior também estavam muito fortes e deram muito trabalho para o brasiliense. No final, Marconi venceu mas o duelo com Luiz Carlos Junior pelo título em Congonhas promete.
O decacampeão brasileiro Márcio Ravelli mostrou que está se preparando muito para o Mundial Master, que acontece em Camboriú, e conquistou uma bela vitória na segunda etapa da Copa Internacional Levorin de MTB.
Ele venceu com pouco mais de doze segundos de vantagem sobre Amarildo Ferreira e com o resultado, assumiu a liderança da competição. Entretanto, a decisão ficará mesmo para Congonhas, uma vez que apenas o dois pontos o separam de Amarildo Ferreira e Silvio Amorim, segundo e terceiro colocados respectivamente.
Na sub-45, outro ex-campeão da Copa Internacional Levorin de MTB na categoria Elite conquistou a vitória. Abraão Azevedo não deu chances à Luiz Lotti Neto e Paulo Sérgio Freitas e venceu a prova com tranqüilidade. Como ele não participou da primeira etapa, irá competir em Congonhas vendo Luiz Lotti e Paulo Sérgio disputarem o título. Lotti é o líder, com treze pontos de vantagem.
Paulo Roberto Correa surpreendeu o favorito Edu Ramires na sub-50, conquistou a vitória e embolou a briga pelo título. Agora, Ramires é o líder mas apenas seis pontos o separam de Paulo Roberto. Mais uma categoria totalmente em aberto e que será decidida só na final.
Na sub-55, Dilermando Melo repetiu o resultado de Araxá e venceu novamente, abrindo uma vantagem confortável na liderança da competição. Adolfo de Oliveira foi o segundo colocado e Cláudio Americano, o terceiro. Na Over-55, tudo indefinido. Pacífico Delai conquistou a vitória em São Lourenço e é o novo líder da categoria. Mas Aílton José dos Santos e Jusmar da Silva.
Copa Centauro de Amadores
Tudo igual na Cadete. Tiago Medeiros e Julio da Silva terminaram na segunda e terceira posições, respectivamente, e saem empatados na liderança da categoria. Wanderson Lourenço, vencedor da prova, é o terceiro colocado. Na Expert, o grande vencedor foi Leandro dos Santos, seguido de Guilherme Gotardelo e Felipe Gonçalves. A liderança da categoria é de Thiago Caetano.
Entre as mulheres, a vencedora na over-40 foi Raquel Gontijo, que colocou mais de seis minutos de vantagem sobre Catia de Carvalho. Como não participou da primeira etapa, Raquel tem poucas chances de brigar pelo título. A líder é Marta Cantarino, que foi 3ª colocada em São Lourenço. Entre as mais novas, Jaqueline Débora venceu novamente e abriu boa vantagem sobre as suas adversárias Isabely Souza e Ludimila Lobo. A sub-40 teve como vencedora Márcia Blanes, mas a líder do campeonato é Edna Almeida.

Rubinho vence segunda etapa da CIMTB em São Lourenço

Em uma prova muito dura, Rubens Donizete e a argentina Noelia Rodriguez venceram a segunda etapa da Copa Internacional Levorin de MTB, que aconteceu em São Lourenço, MG, neste fim de semana (12 e 13 de junho).  A prova foi a primeira no país a contar pontos para Londres 2012 na categoria Mountain Bike.

Rubens Donizete vence segunda etapa da Copa Internacional Levorin de MTB e abre vantagem na luta pelo tricampeonato
Rubens Donizete vence segunda etapa da Copa Internacional Levorin de MTB e abre vantagem na luta pelo tricampeonato

Com a vitória, Rubinho alcançou 149 pontos na competição e agora vai para a última etapa como grande favorito à conquista do inédito tricampeonato – ele e Edivando Souza Cruz são os dois únicos bicampeões na categoria Elite.
Muito concentrado na prova, Rubens largou bem e terminou o Start Loop na primeira colocação. Depois da boa largada, ele travou uma disputa intensa com Tiago Aroeira nas quatro primeiras voltas até que, na quinta, conseguiu abrir uma vantagem confortável sobre o seu adversário e seguir com tranquilidade rumo à vitória.
“Eu adoro essa pista de São Lourenço. Ela exige força, tem subidas muito fortes, mas ela é também muito técnica e exige muito do competidor. A prova foi muito dura, mas consegui me manter entre os primeiros durante todo o tempo e estou feliz com mais essa vitória”, comentou.
Depois dele vieram Tiago Aroeira, Josemberg Nunes, Ricardo Pscheidt e Hugo Prado Neto. Campeão em 2005, a prova marcou ainda o retorno dos bons resultados de Tiago Aroeira na Copa Internacional Levorin de MTB. Depois que conquistou o título, o mineiro vinha ficando constantemente fora da briga pelas vitórias.
“Infelizmente este ano eu tive dengue na primeira etapa e não pude competir, mas estou fazendo um treinamento muito forte e estou muito bem preparado para voltar a  brigar pelos primeiros lugares”, destacou ele.
Elite Feminina
Dobradinha argentina no pódio da Elite Feminina Crédito: Marcelo Andrê - Y. Sports
Dobradinha argentina no pódio da Elite Feminina Crédito: Marcelo Andrê - Y. Sports

Entre as mulheres, domínio total da dupla argentina Noelia Rodriguez e Leila Luque. Desde o início da prova, Noelia imprimiu um ritmo de corrida muito forte e começou a abrir grande vantagem sobre as suas adversárias.
No final da segunda volta, a argentina já tinha mais de um minuto de vantagem sobre a segunda colocada, sua compatriota Leila Luque. A terceira colocada era a belorizontina Érika Gramiscelli.
Sem diminuir o ritmo em nenhum momento, Noelia continuou abrindo cada vez mais vantagem até conquistar a vitória, com quase três minutos de vantagem sobre a segunda colocada. “Na última volta estava com uma vantagem muito boa, mas tinha feito muita força e comecei a sentir câimbras. Diminui um pouco o ritmo, administrei a prova e consegui esse primeiro lugar que foi muito importante para mim”, disse ela.
Já pelo segundo lugar, a disputa entre Érika Gramiscelli e Leila Luque foi muito intensa e definida apenas no sprint final. As duas chegaram praticamente juntas na linha de chegada, mas a argentina acabou conquistando o segundo lugar.
“Fiz uma prova muito controlada. No começo eu caí e tive que vir buscando muitas posições e, depois que assumi o segundo lugar, diminuí um pouco o ritmo para ver como estava a Érika. Como ela não me passava, vi que não estava mais forte do que eu e mantive a prova sob controle”, explicou.
Como as argentinas não participaram da primeira etapa, realizada em Araxá, a briga pelo título no feminino ficou totalmente embolada. Érika é a atual líder da competição, dois pontos a frente de Jullyana Machado, segunda colocada e onze na frente de Roberta Stopa, terceira. Sendo assim, as três chegam com grandes chances de brigar pelo título, na Grande Final em Congonhas.
Notas sobre a etapa de São Lourenço
• A prova contou com 650 atletas inscritos, de três nacionalidades diferentes
• O frio que estava previsto para a etapa realmente castigou os atletas. Na primeira bateria, a temperatura chegou a 3º C
• O comissário Jason Howard, da União Ciclística Internacional, fez muitos elogios ao evento. “Não acredito que nem em uma etapa de Copa do Mundo esta organização tenha algo a aprender”, destacou.
Resultado da etapa de São Lourenço
Elite Masculina

1º – Rubens Donizete – 1:58.12
2º – Tiago Aroeira – 1:58.48
3º – Ricardo Pscheidt – 2:01.57
4º – Josemberg Nunes (Montoya) – 2:02.21
5º – Hugo Prado Neto – 2:02.56
Elite Feminina
1º – Noelia Rodriguez – 1:43.13
2º – Leila Luque – 1:46.43
3º – Érika Gramiscelli – 1:46.49
4º – Roberta Stopa – 1:50.07
5º – Jullyana Machado – 1:53.09

Categorias Master irão relembrar grandes duelos da CIMTB

A chegada do Campeonato Mundial Master de MTB ao Brasil está agitando as categorias sub-35 e sub-40. A prova, que acontecerá entre os dias 7 e 12 de setembro em Camboriú, SC, fez com que grandes nomes do esporte no Brasil passassem para as categorias Master da Copa Internacional Levorin de MTB e apimentassem ainda mais a disputa pelas vitórias.
Entre os grandes nomes que estão lutando para somar pontos no ranking brasileiro e conseguirem uma boa colocação de largada estão Marcio Ravelli e Abraão Azevedo, que já foram campeões na categoria Elite em 2001 e 2004, respectivamente e irão competir na categoria sub-40 e sub-45.
Quem acha que os dois são os grandes favoritos à vitória, porém, estão muito enganados. Na primeira etapa da competição, em Araxá, MG, os vencedores nas categorias sub-35 e sub-40 andaram muito rápido, ficando pouco mais de um minuto por volta acima de Rubens Donizete, vencedor na categoria Elite.

O atleta patense Sílvio Amorim (OCE, Cia do Corpo, Medley Natação e Sonobom) foi o segundo colocado na etapa de Araxá e é um dos favoritos em São Lourenço
O atleta patense Sílvio Amorim (OCE, Cia do Corpo, Medley Natação e Sonobom) foi o segundo colocado na etapa de Araxá e é um dos favoritos em São Lourenço

“Existem muitos atletas de um nível fortíssimo nessas categorias amadoras e agora, com a chegada do mundial, o nível aumentou ainda mais. Além disso, o número de inscritos também é muito grande. Tenho certeza que será uma prova disputadíssima e imprevisível, com muitos nomes com chance de ganhar”, comentou o organizador da competição Rogério Bernardes.
Na sub-40, o vice-campeão da Copa Internacional Levorin de MTB e vencedor da etapa de Araxá, Alex do Nascimento, também pode ser apontado entre os favoritos. Além dele, Silvio Amorim, Amarildo Ferreira e Róbson Aloísio também são nomes muito fortes na briga pela vitória.
Já o principal concorrente de Abraão na sub-45 é Luiz Lotti Neto, atual campeão da categoria e vencedor da etapa de Araxá. Mas ele não será o único a se credenciar à briga pela vitória. Paulo Sérgio de Freitas, Eduardo Soares e Valmiré Damato também são fortes concorrentes ao primeiro lugar.
“Tenho certeza que o público que vier ao Parque da Ilha assistirá a uma grande competição. Será uma belíssima prova em todas as categorias e quem gosta do esporte irá acompanhar fortes emoções durante todo o dia”, assinalou Rogério.
Fonte: www.cimtb.com.br

Legião argentina invade segunda etapa da Copa Internacional Levorin de MTB

Uma verdadeira legião de atletas argentinos irá invadir a segunda etapa da Copa Internacional Levorin de MTB, que acontece em São Lourenço, no próximo fim de semana (12 e 13 de junho). Cinco atletas do país desembarcam para participar da prova e prometem elevar ainda mais o nível da competição.
Os principais destaques da equipe são Rodrigo Darnay e Noelia Rodriguez, campeões nacionais nas modalidades Elite Feminina e Elite Masculina, respectivamente. Noelia retorna à competição depois de dois anos longe das pistas brasileiras. Na sua coleção de títulos ela tem, inclusive, uma Copa Internacional de MTB, em 2003
Já Rodrigo Darnay é uma das principais promessas do país no esporte. O atleta acabou de subir da categoria sub-23 e, logo no seu primeiro ano, já bateu outros grandes atletas argentinos como Luciano Caraccioli e Juan Pablo Pereyra e conquistou o título nacional.
Caraccioli e Pereyra, a liás, são mais dois nomes confirmados no Brasil. Campeão e vice-campeão argentinos de maratona, respectivamente, eles chegam ao país dispostos a conseguir um bom resultado e somar pontos para a Argentina no Ranking das Nações.
“Como essa prova é a primeira na América do Sul a valer pontos para o Ranking das Nações, muita gente está interessada em vir competir e já começar a somar pontos para os Jogos Olímpicos”, comentou Rogério Bernardes, organizador da competição.
Completando a invasão argentina, a vice-campeã do país na modalidade Leila Lu que também desembarca no país e promete brigar de igual para igual com Noelia, Roberta Stopa, Érika Gramiscelli e Julyana Machado.