Passeio Ciclístico Ecológico finaliza a programação da Semana Municipal de Meio Ambiente

CAMISETA PANDA PEDALANeste domingo, 9 de junho, às 8 horas, acontece o Passeio Ecológico de Ciclismo em Patos de Minas. A data prevê o encerramento da Semana Municipal de Meio Ambiente.
O trajeto terá saída da orla da Lagoa Grande com destino ao Parque d Mocambo, onde estará acontecendo Mutirão de Limpeza do Parque por uma equipe da Apare e a continuação do Projeto Arte Verde com show, música e dança no Parque do Mocambo, de 8 às 12 horas.
O evento contará com a turma do site Noispedala e da galera do Pedal Band. Participe. É só chegar e pedalar da Lagoa ao Mocambo, no próximo domingo de manhã.
(Fonte: Diretoria de Meio Ambiente)

Entrevista – Guilherme José Silva – Durex do BMX


Guilherme José Silva - Durex
Guilherme José Silva - Durex

NPD: Qual seu nome completo?
Guilherme: Guilherme José Silva – Durex.
NPD: Há quantos pilotos praticando bicicross em Patos de Minas no momento?
Guilherme: Entre 40 e 50 pilotos em condições de competir. Informalmente cerca de 60, 70 pessoas. Com uma pista adequada para treinamento, temos condições de ter mais que 100 pilotos
NPD: Quais os locais para treinamento em Patos de Minas?
Guilherme: Somente dois locais. No morrão e na Gontijo.
NPD: Quais os pilotos estão despontando em nossa cidade?
Guilherme: Além de mim, o Davi filho do João Marcos, Rafael Gontijo, José Sérgio, Márcio Gabriel e o Denis que retornou dos EUA recentemente. Há outros pilotos de potencial como o Charley que não estão participando de competições.
NPD: Há um ranking de competidores?
Guilherme: Estou em 8º na América Latina. No ranking brasileiro estou em 13º, apesar de ter participado de somente uma etapa.
NPD: Qual sua categoria?
Guilherme: 25 a 29 anos no brasileiro e latino-americano. No Mineiro eu participo da elite.
NPD: Qual a promessa da Prefeitura Municipal para os praticantes?
Guilherme: Que será construída até o fim de 2009 uma pista adequada. A promessa foi feita pela prefeita Municipal Béia Savassi e pelo vereador Bartolomeu
NPD: Qual o custo de construção da pista?
Guilherme: Caso seja no Parque Municipal do Mocambo, cerca de 10.000 reais, visto que já há uma infra-estrutura no local. Em outro local, cerca de 40.000 reais.
NPD: Como será o funcionamento da pista?
Guilherme: A pista não ficaria aberta o tempo todo. Haverá dias e horários certos para treinamento. Também serão realizados trabalhos sociais, com escolinha de bicicross, conscientizando jovens que na pista que é o lugar para extravasar, e não em calçadas por exemplo.
durex-2
Guilherme treinando na Pista do Morrão