Cobertura TV Noispedala: CIMTB Levorin São Lourenço

Aí galera que acessa o Noispedala. Gravamos um programa especial durante a etapa de São Lourenço da Copa Internacional Levorin de MTB. Fique ligado em todos os detalhes e deixe seu recado. Sua participação é importante para sabermos se estamos no caminho certo.

Imagem e Edição: Renato Amaral
Reportagem: Bruno Fernandes
Fotos: Alysson Kuririn e Flávio André.

Encerrada a segunda etapa da Copa Internacional Levorin de MTB, que aconteceu nesse fim de semana (12 e 13 de junho) em São Lourenço, MG, alguns atletas já começam a despontar com grande favoritismo para ficar com o título da competição. Mas, na grande maioria das categorias, a briga promete ficar mesmo para a Grande Final, em Congonhas, nos dia s 22 e 23 de agosto.
A prova aconteceu no Parque da Ilha Antônio Dutra e contou com um circuito de 6.130 metros que exigiu muito dos competidores não só na parte técnica como principalmente na parte física. “É um circuito técnico, mas que exige muita força dos competidores. As subidas são muito fortes e forçam o atleta no máximo. Eu adoro a pista de São Lourenço”, comentou Rubens Donizete.
Ao todo, 650 atletas participaram da prova. Principalmente quem participou da primeira largada, às 7h55 da manhã teve um adversário extra além dos competidores: o frio. A temperatura na cidade chegou a 3º C faze ndo com que o desafio de completar a prova fosse ainda maior.
Na categoria sub-13, o paulista Ivan Gomes Ferrari conquistou a vitória mas quem comemorou mesmo foi Edilberto Aristo Júnior que ficou em segundo lugar e assumiu a liderança da competição. Agora, ele vai para Congonhas com vantagem em relação a Higor Silva Ferreira e Lucca Venditti, seus principais adversários na briga pelo título.
O mineiro Jhefferson de Paiva não deu a menor chance aos seus adversários e venceu na sub-15 com mais de quarenta segundos de vantagem sobre o segundo colocado, Bruno Luz. Com a vitória, ele ultrapassou Kéverson Alves e assumiu a liderança da cat egoria.
Entre os menores de dezessete anos, mais uma vitória dos paulistas. Nicolas Sessler, que já havia vencido em Araxá, conseguiu mais um primeiro posto e já abriu boa vantagem na disputa pelo título. Brunno Sampaio, que chegou na segunda posição e Breno Henrique, terceiro colocado, terão muito trabalho em Congonhas se quiserem tirar o título do ribeirãopretano.
Na Júnior, o gaúcho William Alexi aproveitou-se da ausência de Felipe Cocuzzi para conquistar a vitória e a liderança da competição. João Paulo da Silva, que ficou na terceira colocação nas duas etapas, é o vice-líder do campeonato.
Frederico Mariano, de Uberaba, fez uma prova sensacional na categoria sub-23 e embolou a disputa pelo título. Ele abriu mais de um minuto de vantagem sobre o favorito Sherman Paiva e agora os dois chegam em Congonhas disputando o título de igual para igual.
Sherman chegou a liderar boa parte da prova mas não agüentou a pressão do adversário e acabou terminando na segunda colocação. Destaque também para o campeão argentino Rodrigo Darnay que, em sua estreia na Copa Internacional, terminou na terceira colocação muito perto de Sherman.
Na categoria PNE, o atleta Jefferson Spimpolo venceu novamente e abriu boa vantagem na briga pelo título. Izaías Costa novamente foi o segundo colocado. Estreando em equipe nova, o atleta agora faz parte da equipe Levorin, Jefferson estava muito satisfeito com a vitória. “É bom estrear na equipe assim, com vitória. Com o novo projeto, tenho certeza que conseguirei resultados ainda melhores”, disse.
Elite Feminina e SuperElite Masculina
A presença das argentinas Noelia Rodriguez e Leila Luque na segunda etapa da Copa Internacional Levorin de MTB fez com que o campeonato ganhasse muito em emoção na categoria. Antes da prova, as principais atletas brasileiras fizeram muitos elog ios à organização da competição por viabilizar a presença estrangeira.
“Acho ótimo correr contra novas adversárias porque, no final, a gente acaba estagnando de correr sempre contra as mesmas rivais. A chegada delas motiva e aumenta ainda mais a emoção da competição”, comentou Érika Gramiscelli.
Roberta Stopa também elogiou a chegada das novas adversárias. “É ótimo para a nossa evolução contar com mais competidoras de alto nível. Faz com que a prova fique mais emocionante, mais disputada e aumenta a adrenalina”.
Terminada a prova, os resultados mostraram que os elogios das atletas brasileiras eram bem fundamentados. Noelia Rodriguez e Leila Luque andaram muito forte e fizeram uma belíssima prova, conquistando a dobradinha. Entre as brasileiras, o resultado fez com que a disputa pelo título ficasse totalmente em aberto.
Érika Gramiscelli, que terminou a prova na terceira colocação, assumiu a liderança do campeonato com apenas um ponto de vantagem sobre Julyana Machado, vice-líder e nove pontos a mais que Roberta Stoppa, terceira colocada. Agora, as três chegam à Congonhas com grandes chances de título.
Se entre as mulheres a disputa está acirradíssima, entre os homens Rubens Donizete aparece como o principal favorito ao título. Se vencer o campeonato, Rubens será o primeiro tricampeão da história da competição na categoria Superelite.
O mineiro venceu mais uma vez a prova, depois de um belo duelo com Thiago Aroeira nas primeiras voltas e poderia estar ainda mais folgado na liderança se não fosse uma espetacular recuperação de Ricardo Pscheidt, que depois de não ter conseguido uma boa largada, terminou na 3ª posição e assumiu a vice-liderança.
Patos de Minas
O patense melhor colocado foi Sílvio Amorim (OCE, Medley Natação, Cia do Corpo e Sonobom) na categoria Sub 40. Ele completou as quatro voltas na terceira posição, ficando com o segundo lugar na Copa.
José Gonçalves (Star Bike, Proshock, Liga Patense de Ciclismo) foi o 26º colocado e completou as quatro voltas em 01h23min49.
Júnio Alves Vieira (Cemil, Star Bike)  que participou da prova resfriado, foi o 16º na categoria superelite, que engloba os atletas profissionais. Ele está em 12º no geral na Copa.
Já na Copa Centauro, Flávio Durval (Acase) foi o 25º na cadete e Antônio Carlos Trindade (Acase) o 40º. Robson Marques de Sousa na mesma categoria teve problemas na última volta.
Na categoria Feminino Sub 40, Ana Paula Silva (Bike Show) ficou com a prata, completando as duas voltas em 01h e 49 segundos.
Outras categorias
Na categoria sub-30, muita disputa pela vitória que ficou com Gustavo Santos, de Lagoa da Prata. Ele travou uma grande disputa com os também mineiros Ricardo Xavier e Caio Paixão que, com a terceira colocação, assumiu a liderança da competição.
Depois da segunda colocação em Araxá, Marconi Ribeiro chegou em São Lourenço disposto a não deixar a vitória escapar mas, para isso, teve muito trabalho. Enoque Filho e Luiz Carlos Júnior também estavam muito fortes e deram muito trabalho para o brasiliense. No final, Marconi venceu mas o duelo com Luiz Carlos Junior pelo título em Congonhas promete.
O decacampeão brasileiro Márcio Ravelli mostrou que está se preparando muito para o Mundial Master, que acontece em Camboriú, e conquistou uma bela vitória na segunda etapa da Copa Internacional Levorin de MTB.
Ele venceu com pouco mais de doze segundos de vantagem sobre Amarildo Ferreira e com o resultado, assumiu a liderança da competição. Entretanto, a decisão ficará mesmo para Congonhas, uma vez que apenas o dois pontos o separam de Amarildo Ferreira e Silvio Amorim, segundo e terceiro colocados respectivamente.
Na sub-45, outro ex-campeão da Copa Internacional Levorin de MTB na categoria Elite conquistou a vitória. Abraão Azevedo não deu chances à Luiz Lotti Neto e Paulo Sérgio Freitas e venceu a prova com tranqüilidade. Como ele não participou da primeira etapa, irá competir em Congonhas vendo Luiz Lotti e Paulo Sérgio disputarem o título. Lotti é o líder, com treze pontos de vantagem.
Paulo Roberto Correa surpreendeu o favorito Edu Ramires na sub-50, conquistou a vitória e embolou a briga pelo título. Agora, Ramires é o líder mas apenas seis pontos o separam de Paulo Roberto. Mais uma categoria totalmente em aberto e que será decidida só na final.
Na sub-55, Dilermando Melo repetiu o resultado de Araxá e venceu novamente, abrindo uma vantagem confortável na liderança da competição. Adolfo de Oliveira foi o segundo colocado e Cláudio Americano, o terceiro. Na Over-55, tudo indefinido. Pacífico Delai conquistou a vitória em São Lourenço e é o novo líder da categoria. Mas Aílton José dos Santos e Jusmar da Silva.
Copa Centauro de Amadores
Tudo igual na Cadete. Tiago Medeiros e Julio da Silva terminaram na segunda e terceira posições, respectivamente, e saem empatados na liderança da categoria. Wanderson Lourenço, vencedor da prova, é o terceiro colocado. Na Expert, o grande vencedor foi Leandro dos Santos, seguido de Guilherme Gotardelo e Felipe Gonçalves. A liderança da categoria é de Thiago Caetano.
Entre as mulheres, a vencedora na over-40 foi Raquel Gontijo, que colocou mais de seis minutos de vantagem sobre Catia de Carvalho. Como não participou da primeira etapa, Raquel tem poucas chances de brigar pelo título. A líder é Marta Cantarino, que foi 3ª colocada em São Lourenço. Entre as mais novas, Jaqueline Débora venceu novamente e abriu boa vantagem sobre as suas adversárias Isabely Souza e Ludimila Lobo. A sub-40 teve como vencedora Márcia Blanes, mas a líder do campeonato é Edna Almeida.

TV Noispedala #7 Copa Internacional MTB 2010 Araxá

Após a cobertura de sábado ao Desafio Integração que foi transmitido ao vivo pela afiliada da Rede Globo em nossa região, chegou a hora da verdade. O domingo que reservava as maiores emoções com as três largadas que contavam com um total de 860 participantes.
Deixamos aqui nossos parabéns aos realizadores da prova, em especial ao Rogério Bernardes.
Estamos comercializando um DVD com cerca de 40 minutos de emoção desta que é uma das maiores provas da modalidade no Brasil. Entre em contato conosco pelo telefone (34) 9169-0141, (34) 3821-5538 ou bruno@noispedala.com.br.

Patos de Minas e região na Copa Internacional MTB Araxá

Neste fim de semana a galera das magrelas de Patos de Minas e região compareceu em peso na excelente Copa Internacional de Mountain Bike Levorin na cidade vizinha Araxá. Cerca de 70 pessoas só de nossa cidade, dentre atletas, familiares e amigos foram torcer por nossos conterrâneos e participar de um dos maiores eventos do calendário nacional. Foi um fim de semana muito agradável na famosa terra de Dona Beija. Vários atletas conseguiram bons resultados. Acompanhe como eles foram.

Premiação da Sub 40, Silvinho em segundo lugar
Premiação da Sub 40, Silvinho em segundo lugar

Na primeira largada, logo às 07h50min, José Gonçalves (Star Bike / Proshock) mesmo com um acidente na curva da escadaria, onde a grande maioria dos patenses assistiam a prova, conseguiu finalizar em 20ª lugar. Ele avalia como um bom resultado, devido ao nível da prova e por haver 88 participantes na categoria.
Já na categoria Sub 40 foram 46 participantes de vários lugares do Brasil. Os patenses também foram bem.  Iata Anderson (Star Bike) chegou em 15º e Ronaldo Gonçalves (Tora Racing Team) foi o 25º colocado. Vicente de Paulo Faria da Silva de Patrocínio foi o 19º. O grande destaque foi Sílvio Otávio Neves Amorim (OCE, Cia do Corpo, Power Bike, Medley Escola de Natação) que já havia vencido a primeira etapa do GP Ravelli em fevereiro e o Pedal na Serra a duas semanas atrás. Ele fez a prova em um ritmo forte e na última volta, quando tomou a liderança sofreu um acidente depois da descida das pedreiras e foi o segundo a cruzar a linha de chegada. Parabéns Silvinho.
Felipe Oliveira que estreou em competições a nível nacional na categoria sub 15, fez bonito. Mesmo com problemas no câmbio traseiro, quando estava na segunda colocação, não conseguiu manter o ritmo e cruzou a linha de chegada na 13ª posição. Eram 22 atletas na categoria dele. Na mesma categoria, o atleta de Rio Paranaíba Kéverson Alves da Silva venceu a prova. Parabéns Keke. Da mesma cidade Lucas Rocha Boaventura chegou apenas 11 segundos atrás de Felipe Oliveira, cruzando a linha de chegada no 14º lugar.
Felipe
Largada da Sub 15, Felipe Oliveira na ponta - Foto: Sportime

Premiação da Super Elite: Júnio Alves em décimo lugar - Foto: Jomane Casagrande - Y. Sports
Premiação da Super Elite: Júnio Alves em décimo lugar - Foto: Jomane Casagrande - Y. Sports

Na segunda largada, o atleta Júnio Alves da Equipe Cemil, que pela primeira participou da Copa Internacional de MTB na categoria elite, mesmo não largando no primeiro pelotão, chegou na 10ª posição na categoria super elite, que engloba os participantes da elite e da categoria sub 23.
Flávio Fernandes que também disputou na categoria Elite, esta que engloba os melhores atletas do Brasil, teve problemas e não completou o percurso.
Na categoria Sub 23, uma das mais concorridas, o patrocinense Halysson Henrique Ferreira foi o quinto colocado.
Copa Centauro de Amadores
A terceira largada do dia foi para a Copa Centauro de Amadores, onde a pista ficou completamente lotada, visto o número elevado de participantes. Confira como foram os participantes de nossa região.
Patos de Minas
Na categoria cadete, a que conta com o maior número de participantes (cerca de 150), Guilherme José Silva (Durex) foi o 20º colocado. Rogério Máximo da Silva (Grupo Fortaleza / Tigre), o Mexicano, terminou em 37º. Logo atrás em 38º veio o Edimar Modesto de Freitas (Star Bike). Robson Marques de Sousa foi o 48º. Antônio Carlos Trintade (Acase) foi o 56º. Flávio Durval Braga terminou na 70ª posição. André Carlos Rodrigues Leréia teve problemas na bike a não completou o percurso. Na categoria Expert, Adson Gonçalves de Sousa foi o 61º colocado.
Carmo do Paranaíba
Para os carmenses, a coisa não foi nada bem. Aline Abadia Marques dos Reis que liderava a prova sofreu um acidente e minutos depois desidatrou-se. Na categoria cadete, Valdinei dos Santos Pereira foi o 73º completando apenas uma volta. Emilio Ferreira de Miranda completou apenas uma volta. Na expert, Fernando Oliveira Andrade Faria (Pedal Ação) completou as três voltas na 14ª colocação e Alex Moreira da Silva o 25º. Evaldo Reis Liberato  e Weliton Marcos Santos não completaram.
Vazante
Na categoria expert o título foi para Vazante. Thiago Henrique Caetano (Nikita) venceu a prova completando as três voltas no percurso com o tempo de 01:01:14.01. Diogo Marques da Silva foi o 26º colocado na cadete. Paulo Henrique Santos Gonçalves (Total Bike) foi o 15º colocado.
Rio Paranaíba
Reinaldo Alves de Castro (Tiú) (Perfil Cosméticos  e Perfurmaria) foi o 82º na Cadete. Renato Silva Rocha foi o 85º.  Já na exepert, Samuel Rocha da Silva foi o 24º.
Patrocínio
Na categoria Cadete, Geison Rabelo de Souza, teve problemas e completou apenas a primeira volta, terminando na 112ª posição.
Largada da Sub 40 Feminina - Aline Abadia Marques dos Reis de Carmo do Paranaíba
Largada da Sub 40 Feminina - Aline Abadia Marques dos Reis de Carmo do Paranaíba

Pódio CIMTB Sub 15 - Kéverson Alves da Silva de Rio Paranaíba
Pódio CIMTB Sub 15 - Kéverson Alves da Silva de Rio Paranaíba

Confira as fotos da Copa Internacional MTB Levorin

Rubinho e Jullyana vencem etapa de Araxá da CIMTB

A primeira etapa da Copa Internacional Levorin de MTB (Ametur) foi realizada em Araxá. Foi a sétima vez que a bela cidade que destaca-se no cenário turístico mineiro. A prova conta pontos para os rankings mineiro, brasileiro e mundial e é a 11ª vez que é realizada.

Julyana comemora a vitória na abertura da Copa Internacional Levorin de MTB Crédito: Jomane Casagrande - Y. Sports
Julyana comemora a vitória Crédito: Jomane Casagrande - Y. Sports

Uma das novidades neste ano foi o start loop. “O objetivo é fazer com que os atletas da Elite, aqueles que representam o país em mundiais e olimpíadas, passem mais vezes na linha de largada perto do público”, destaca Rogério. Nos outro anos os atletas só passavam na linha de largada após uma volta completa no circuito, o que demorava cerca de 18 minutos. Com o start loop, eles já deram as caras com menos de dois minutos para delírio das pessoas que lotaram o barreiro.
Mais uma vez, o circuito de Araxá foi muito elogiado pelos atletas. Este ano, atendendo a nova regulamentação da UCI, que diminuiu o tempo total da prova, os homens tiveram que dar seis voltas e as mulheres quatro.
“Essa pista de Araxá é a melhor do Brasil e, pra mim, vencer adversários tão difíceis aqui tem um gosto especial. Essa prova foi mais difícil do que o Sul-Americano, que eu corri no início da semana. Foi uma prova muito dura e que eu passei o tempo inteiro sem descanso, competindo contra outros atletas”, comentou Julyana Machado que completou as quatro voltas com o tempo de 01:35.21.
No Masculino, a prova foi marcada pela intensa disputa entre os competidores. Rubens Donizete, Henrique Avancini, Edivando de Souza Cruz, Ricardo Pscheidt e Shermann Trezza de Paiva brigaram pela vitória durante todo o tempo.
Rubens Donizete venceu na Superelite Masculina
Rubens Donizete venceu na Superelite Masculina

No início da prova, Rubens largou bem e terminou o start loop na frente, seguido de Avancini e Sherman. A partir daí, ele começou a fazer uma prova muito consciente, que o levou a vitória.
Quem venceu a start loop deste ano foi Rubens Donizete.
A vitória rendeu um ponto no ranking da prova.
Amanhã teremos uma materia especial focada nos atletas patenses que participaram e nas cerca de 70 pessoas de nossa cidade que passaram o domingo em Araxá acompanhando a prova. E vem aí também mais uma edição do TV Noispedala.
Confira as fotos da primeira etapa da Copa Internacional Levorin MTB 2010 disputada em Araxá.
Galeria 1
Galeria 2

Resultado final
SuperElite Masculino
1º – Rubens Donizete – 1:51:40
2º – Edivando Souza Cruz – 1:51:43
3º – Sherman Trezza de Paiva – 1:52:51
4º – Róbson Ferreira – 1:55:11
5º – Ricardo Pscheidt – 1:55:25
Elite Feminino
1º – Julyana Machado – 1:35.21
2º – Érika Gramisceli – 1:36.48
3º – Roberta Stopa – 1:37.25
4º – Raíza Goulão – 1:47.17
5º – Manuela Vilaseca – 1:48:19

TV Noispedala #6 Cobertura Desafio TV Integração de MTB

Aí galera do noispedala. Gravamos um programa especial durante o primeiro dia da Copa Internacional de MTB Levorin em Araxá. Você vai ficar por dentro de como foi o Desafio TV Integração de MTB onde os mineiros Sherman Paiva e Roberta Stopa foram os grandes vencedores e levaram como prêmio passagens de ida e volta para a final da Copa do Mundo que acontece nos dias 28 e 29 de agosto no estado de Nova Iorque, EUA.
Imagem e Edição: Renato Amaral
Reportagem: Bruno Fernandes
Assista aí e deixe seu comentário! E vamos pedalar galera!