1º GP de Ciclismo de Patrocínio, uma corrida marcante

Iata Anderson
Iata Anderson

O título escolhido para esta matéria, quebra o protocolo e foge bastante do comum dos títulos das demais coberturas realizadas. E porque foi marcante? Espero que consigamos apresentar os motivos deste título.
Foi uma manhã de domingo com calor escaldante. Mais de 120 ciclistas participaram da prova. Dentre estes ciclistas, um chamava a atenção. O nome dele é Iata Anderson. Aquele mascarado, lembra? Mas ele chamava a atenção não pela máscara, e sim por voltar a pedalar após vencer a leucemia. Ele correu acompanhado de seu filho Victor Zape.
O patrocinense Willian Ferraz
O patrocinense Willian Ferraz

Outro fato não menos marcante, foi a despedida das pistas de Willian Ferraz. Ele que recentemente sofreu um infarto durante os treinamentos para essa prova, se recuperou de maneira surpreendente, mas devido a um problema cardíáco, foi recomendado que ele interrompesse a carreira de ciclista. Durante a premiação, Willian agradeceu a força de todos os seus amigos e deixou claro que estará sempre junto. Ele emocionado completou  dizendo que foram os melhores anos da vida dele. Willian dedicou nove anos de sua vida ao ciclismo.
O circuito foi escolhido a dedo. Oferecia segurança, só havia duas maneiras de chegar ao local da prova, e elas estavam interditadas. Nem mesmo residências existem no decorrer dos mais de 4 quilômetros, que exigiu um excelente condicionamentos dos ciclistas. Na descida o vento ajudava. Na subida, que chegava a inclinação de 7%, o vento castigava.
Halysson Ferreira recebe os cumprimentos de seus familiares
Halysson Ferreira recebe os cumprimentos de seus familiares

Destaque para aprova da elite, que contou com participação de 22 ciclistas. Quem venceu foi o patrocinense Halysson, que recentemente venceu mais uma etapa da Volta de São Paulo. Ele corre pela equipe de Rio Claro. O segundo colocado foi Raphael Mesquita de Catalão. Contando os pontos das metas volantes, os dois ciclistas terminaram empatados.
Parabéns a todos os participantes e principalmente aos organizadores Juliana, Rafael e seus colaboradores. Que o sucesso desta prova seja um incentivo para que mais provas (ainda melhores), aconteçam em Patrocínio.