SRAM 50K: Silvinho Amorim vence nas Masters e Júnio Alves é o quarto na elite

SRAM 50K: Silvinho Amorim vence nas Masters e Júnio Alves é o quarto na elite
SRAM 50K: Silvinho Amorim vence nas Masters e Júnio Alves é o quarto na elite

Os dois atletas de Patos de Minas que participaram da competição intitulada SRAM 50K este fim de semana fizeram bonito. A competição em formato XCO (Cross Country Olímpico) foi realizada em Vinhedo SP sob organização da Proparts e da MS Propag.
Silvinho Amorim foi campeão geral nas categorias Masters. Ele que compete na Master B, chegou à frente dos atletas da Master A, que é considerada uma categoria mais forte.
Júnio Alves foi o quarto colocado na elite, chegando à frente de atletas com títulos internacionais importantes no currículo, como o atual campeão brasileiro de MTB, Ricardo Pscheidt.
Os dois atletas fazem parte da Equipe Cemil. Silvinho Amorim que é o mais novo na equipe, embarca para a África do Sul no próximo dia 23 de março. Ele participará da mais dura ultramaratona do mundo, o ABSA CAPE EPIC com o apoio da Cemil, que é sediada em Patos de Minas. Ele tambem conta com o apoio da Giro Sporte Center (BH) – OCE – Medley (Escola de Natação) – Academia Cia do Corpo – Power Bike – Nutry Suplementos.
Foi uma prova muito dura com um circuito de 7 km bem misto com subidas , descidas, uma parte com um barro onde a técnica teve de prevalecer.
Silvinho diz ainda que foi imprimindo um ritmo forte destacou entre os atletas das categorias master A e Master B que largaram juntas.
Os atletas agradecem à Cemil por terem concedido a oportunidade e esperam dar o melhor, trazendo grandes títulos para Patos de Minas.
Clique aqui e veja todos os resultados da prova.

Cobertura: Oitavo enduro do Batalhão 2011

Henrique Amaro (Cemil) deixa seu nome gravado no Troféu Douglas Rodrigues Lucas pela terceira vez
Henrique Amaro (Cemil) deixa seu nome gravado no Troféu Douglas Rodrigues Lucas pela terceira vez

Foi show de roda a oitava edição do enduro do 15º BPM. E vamos dizer mais uma vez de boca cheia, O MAIOR ENDURO DE BIKES DO BRASIL. Esta edição entra na história positivamente. Um dos motivos para este marco na história foi o recorde de participantes. Foram 302 atletas, não contando os carrapatos, que foram muitos.
Para o Cabo Magela, outro fato marcante foi a participação de diversos integrantes do Projeto Pontapé inicial do 15º BPM. Destaque para Renato Sorin e Pablo que ficaram quinto lugar na Duplas PRO e Gustavo e Rafael que faturaram o oitavo lugar na Duplas Iniciantes.
Durante a madrugada do domingo, quatro horas antes da largada, um verdadeiro temporal caiu sobre Patos de Minas, levando a poeira embora e trazendo muita lama, aumentando o nível técnico. Em vários pontos escorregava muito. A matinha do confinamento parecia um quiabo.
A prova começou pontualmente às 09h da manhã com um calor escaldante. A surpresa foi que duas horas depois, São Pedro mandou um refresco para a galera. Neste momento já havia atletas na parte final do enduro e ainda tinha gente largando.
O 15º BPM montou uma estrutura com 36 militares, quatro viaturas e duas ambulâncias para comprovar que o maior enduro de regularidade de mountain bike do Brasil é também um dos mais organizados.
Logo na largada os competidores encaravam o tradicional balaio de gato de 2 km que acontece dentro do Batalhão.
Mais dois balaios de gato aumentaram o nível da prova. O da matinha foi importante para decidir os primeiros lugares das três categorias.
Após 20 minutos de descanso, com direito a banana e maçã, os ciclistas partiram para a segunda etapa do enduro e mais balaio de gato, desta vez no loteamento atrás da Coca Cola.
Ao final só se via um bando de ciclistas sujos até a cabeça, invadirem o Batalhão aparentando estarem com a alma lavada por terem concluído a prova mais solidária de todas.
No final, muita emoção na premiação. Mais uma vez o Comandante Tenente Coronel Elias fez questão de premiar os atletas e deixar aquele recado para os participantes. Outro fato marcante foi a placa oferecida pelos amigos da turma do pedal, ao Cabo Magela, reconhecendo o cidadão e a dedicação dele para promover o esporte, a harmonia, alegria e socialização entre todos. Valeu Magela!
Fica aqui o nosso agradecimento ao 15º BPM, que em seu aniversário promove a maior festa do ciclismo regional.
Não fique sem deixar seu comentário. Queremos saber a sua opinião sobre o enduro do 15º BPM.
Os resultados foram os seguintes de acordo com as categorias:

Livre Classificação Registros dos PCs
Duplas PRO Classificação Registros dos PCs
Duplas Iniciantes Classificação Registros dos PCs

Domingo tem Enduro do Batalhão. E você? Está preparado?

Para participar de um enduro de regularidade, principalmente quando é concorrido como o Enduro do Batalhão, que é considerado o maior enduro de bikes do Brasil, você deve ficar ligado em alguns pontos importantes. Fica a dica também para você aproveitar as promoções dos patrocinadores oficiais do enduro.

Cemil Soy

A Cemil, patrocinadora principal da Copa, mantém em seu portfolio de produtos o suco Cemil Soy. É um produto a base de soja, nas versões tradicionais e ligths: Original, Maça, Uva, Laranja, Pêssego e Maracujá.

Cemil Soy
Cemil Soy

A soja é o único legume considerado uma proteína completa, rica em proteínas e fibras. É fonte de minerais como: ferro, potássio, fósforo, cálcio e vitaminas do complexo B, indicada para os praticantes de esportes, além disso é a única alternativa para as pessoas com intolerância à lactose e ajuda a melhorar o nível de colesterol .
E claro, mais uma vez teremos a possibilidade de degustar o Cemil Soy no Enduro do Batalhão.
Seus benefícios reduzir o risco de inúmeras doenças tais como:

  • Câncer de esôfago
  • Câncer de pulmão
  • Câncer de próstata
  • Câncer de mama
  • Câncer de cólon retal
  • Doenças cardiovasculares
  • Osteoporose,
  • Diabetes,
  • Mal de Alzheimer
  • Sintomas da menopausa

Hidratação e repositores energéticos

Um fator essencial para que você consiga fazer um bom enduro, é que você esteja bem hidratado e não perca sua energia durante a prova. Por experiência própria, quanto mais cansado você tiver, menos você estará concentrado e mais irritado.
Pensando nisso, a NUTRY SUPLEMENTOS preparou alguns produtos essenciais para que você complete bem o enduro. Passando lá na NUTRY, você também poderá pegar algumas dicas com os profissionais. Se não bastasse isso, eles resolveram entrar com tudo no enduro. Os profissionais da Nutry estarão no Congresso Técnico e durante a prova comercializando os produtos e tirando as suas dúvidas.
Além destas promoções, comprando qualquer produto da linha Nutrilatina AGE na NUTRY SUPLEMENTOS, você concorre a uma bike.

Equipamentos

Outro fator essencial, é que você esteja com a bike em dia, equipado com um ciclo computador (cateye), Road book, capacete e materiais de segurança como luva. Uma camisa com bolsos também é essencial para que você consiga levar materiais de uso durante a prova. Na BAND BIKE, você pode revisar a sua bike com um preço super especial e mecânicos experientes e é a única da região autorizada ROCK SHOX, AVID E TRUVATIV.
No domingo, a BAND BIKE estará oferecendo um Neutral Service, que foi a novidade em 2010 nas maiores provas de Cross Country e Maratona. Lá você poderá ajustar a sua bike e ainda comprar produtos.
Além disso, o Celinho preparou algumas ofertas especiais:

  • Velocímetro Cateye Velo 5 de R$53,90 por R$49,90
  • Capacete High One MV 18 M de R$49,90 por R$ 42,90
  • Mochila de Hidratação Northpak Artic por de R$ 118,00 por R$ 109,90
  • Camisa Equipe Caloi Extra de R$ 49,90 por R$ 39,90
  • Bomba de Ar GTS de R$ 22,90 por R$ 18,90
  • Luva Proshock Claw (dedo longo) de R$ 62,00 por R$ 47,90
  • Kit Remendo UNIUM de R$ 9,00 por R$ 5,90

Se não bastasse isso, tem mais promoção. A partir de segunda-feira, você que aparecer lá na Band Bike com a plaquinha do enduro, você poderá agendar uma revisão com produtos de primeira linha com um valor super especial.
Sugerimos também que você prestigie os demais patrocinadores que são eles:

300 atletas estão inscritos para o maior enduro de bikes do Brasil

Inscrições encerradas
Confira quem são os inscritos:

Livre

  1. ROMERO PEREIRA / DAKAR MOTOS
  2. Gustavo Silva Castilho de Avellar
  3. PEDRO ELIAS REIS / PNEUS UNIÃO / UNIÃO FARMA
  4. PAULO ROBERTO NETO / REAL CONFECÇÕES
  5. Victor Queiroz de Miranda
  6. GLEIDSON JOSE DE OLIVEIRA / LUDYELLE CONFECÇÕES
  7. newton rodrigues ferreira / auto escola superior
  8. Alessandro Barbosa da Costa
  9. Bruno cesar santos barbosa(marola) / Doces momentos bomboniere
  10. Alexandre Antonio Pereira Campolino
  11. Wender Charles Camilo / Estamparia Tribus / Navelli Informatica e eletronicos
  12. gabriel resende oliveira
  13. Walder Martins Ferreira Filho  / Motoagra
  14. Vaninho da Costa / Star Lanches
  15. samuel oliveira
  16. vinicius andre de aguiar
  17. kenzo holayama alvarenga
  18. felipe oliveira de carvalho
  19. Brendo de Lima Barbosa
  20. samuel oliveira
  21. Filipe Lóss Zielinsky /
  22. Marco Tulio (Gagame) / Gagame ferrovias e cia
  23. RONIVAL CAETANO SILVA / AUTO CENTER JOSE DA SILVA LTDA
  24. Luiz Antônio Matias
  25. ALISSON_PÓ / Pozeira Corp
  26. Eduardo Pedro de Oliveira / Jofran Seralheria
  27. Henrique Amaro “Coelho” / Cemil, Beba saúde. Beba Cemil.
  28. Luis Antonio Soares
  29. Joao Lucas Alves Moreira Santana / band bike
  30. Paulo Henrique Ribeiro Freitas / Nova Vesuvo Panificacões
  31. Jayme Matheus Stabile
  32. Silomar Gonçalves da Silva Junior / Lantercar / Na Venda Conveniência
  33. Jayme Matheus Stabile
  34. Filipe Oliveira Pinto / sinhor milto
  35. Joao Paulo De Carvalho / sinhor milto
  36. Henrique Carlos Silva
  37. Abraão Elias Macedo Souza /
  38. Gisele Aparecida Magalhães / Burilar Motors Ltda
  39. Willer Borges Resende / Garden Viveiro de mudas e paisagismo
  40. Aod Duarte
  41. Euler César Lima / Farmanossa
  42. Angelo W. S. Teixeira / Agua e Terra

Duplas PRO

  1. Leonardo Ávila e Jonas Rodrigo Resende
  2. Danilo Siqueira Pacheco e Willian dos Santos Augusto
  3. Euler de Carvalho e CRISCELLE
  4. CLAUDEMAR ANTONIO ROSA e MATEUS ANTONIO DE SOUSA
  5. Ana Paula Silva Mendes e Adao Mendes Braga
  6. Ezequiel Januario de Araujo e Ricardo Gabriel Paes Leme
  7. Matheus Rabelo de Sousa Veloso e João Victor Batista de Queiroz Marques
  8. Renato (sorin) e pablo fernando
  9. Leonam Alves Naves e Rafael Mendes Eugênio
  10. Bruno Ribas e Afrânio Gonçalves Soares
  11. HUGO MURANGA e PAULO FUSCAO
  12. Heber Queiroz Araújo – Heber Contador e Thiago Evangelista Silva – Thiago New Bike
  13. Guilherme Américo Debortoli e Stevan Ferreira Nunes
  14. Wanderley Lucas Fonseca e Jordano Álef Souza de Lima
  15. Flavio Rogerio de Moura e Aguilar Manoel Caixeta
  16. Daniel Hevert de Oliveira e André Luiz de Oliveira
  17. Kleverson de Lima e Daniel Fernades
  18. WEBER CAIXETA MAIA e RODRIGO FERNANDO MACHADO
  19. CLEITON LOPES EVANGELISTA  e MAGNO GOMES DA SILVEIRA
  20. Leandro Santos Barbosa e Henrique Pereira Caixeta
  21. jeferson eugenio mendes e carlos henrique da silva
  22. Argemiro Fernandes Vieira Junior e Vitor Librelon Vargas
  23. BILLY CESAR GONÇALVES DE ARAUJO e MARCUS VINICIUS DA COSTA
  24. Pedro Henrique de Bessa Cunha e Thalisson Rodrigues Silva
  25. Antonio Cesar Arujo Junior e Isaias Gonçalves da Silva Junior
  26. Heleno de Lima Marques e vinicius de moura dias
  27. Roger Rodrigues Nunes e Gustavo Henrique Gonçalves
  28. Miguel Fernando dos Santos e Daniel Henrique Soares
  29. jose gonçalves e fabiano spaço
  30. murilo ribeiro silva e evaldo da rocha silva
  31. Marcos Emíllio Rodrigues da Mota e Rafael Ribeiro de Araujo
  32. Rafael Antonio Andrade Teixeira e Gustavo Henrique Andrade Teixeira
  33. Vitor Douglas e Thales Romao
  34. douglas Antonio Freitas e Denilsom Ricardo Carvalio
  35. Iuri Scotton Leal e Arnaldo (Junim)
  36. Roberto Moreira Rodrigues e Gabriel Rodrigues Nunes
  37. Henrique Carlos Silva e Abraão Elias Macedo Souza
  38. Rodrigo Pereira Alves e Higor junio Bemfica
  39. Heber Pinheiro e Wagner Paulo da Costa
  40. Robson Santos Romão Refrigeração Vieira e Carlos de Alencar Vieira Colchões Confort Life
  41. Sérgio Zaggo Pivodrip e Victor Nacli Pereira

Duplas Iniciantes

  1. claudio augusto de queiroz lopes e fernando nunes diniz
  2. WEULER CAIXETA PIAU e GABRIEL MARTINS CAIXETA PIAU
  3. Fabio Oliveira Guedes e Arthur Teles Moreira
  4. ADRIANE MARTINS CAIXETA PIAU e JESSICA MARTINS CAIXETA PIAU
  5. Dayse Cris Moreira de Araújo e Leandro Luiz dos Santos
  6. Gustavo Nogueira Pachêco e Hugo Vinícius de Oliveira Silva
  7. Joao Victor Santos Paes Leme e Robsom Marques de Sousa
  8. Ian Augusto de Almeida Ribeiro e Raul Machado de Castro
  9. Luis Gustavo de Oliveira e Rafael Henrique Soares Mota
  10. Marcelo Luiz da Cruz e Fernando Henrique da Cruz
  11. lucas tadeu nascentes porto santos e Gustavo Fernandes Affonso
  12. Júlio Moreira de Castro e Júlio Simão de Castro
  13. nataniel xavier silva e marcos paulo de paiva gonçalves
  14. Reginaldo Josè Caixeta e Edmilson Gonçalves da Silva
  15. Lucas Pereira Silva e Erick Junior Santos Caixeta
  16. Paulo Henrique De Oliveira e Everaldo Nogueira Soares Junior
  17. Wictor Junio Viana Pereira e Bruno Fonseca Morais
  18. Rayane Carolline Silva. e Lucas José da Costa
  19. LUCIANO CARVALHO MARQUES e EDUARDO HELENO SILVA
  20. Higor Vinicíus de Oliveira Santos e Rafael Lima Silva
  21. ROMULO RODRIGUES SILVA e THIAGO CESAR MAGALHAES
  22. carlos eduardo alves e caio alves garcia
  23. João Paulo Silva e Gabrielle Rodrigues Santana
  24. henrick caixeta borges e pedro henrique pinheiro silva
  25. Murilo Henrique Dias Borges e Kaio César Teixeira de Brito
  26. cassio jezirrel oliveira santos e warley alves muniz
  27. josé roberto ferreira neto e joão paulo andrade de lima
  28. thiago henrique andrade oliveira e Pedro Brant
  29. Antônio Afonso Sommer e Heitor Calazans Sousa Peres
  30. Phelipe Reiter Sousa e Thiago Vinícius Oliveira Silva
  31. Matheus Henrique Alves Ferreira e Phelipe Nascente de Almeida
  32. marcos vinicius de oliveira e natanyel breno silva
  33. André Luís Peres e Gabriel H. Peres
  34. hiago crystian carvalho barros e adriel gonçalves barros
  35. mathues tavares de almeida e lucas henrique Santos almeida
  36. Cristian Paulo Pereira Barbosa e Vinícius Teodoro Rodrigues
  37. Marcos Vinicius Santos e Carlindo Junio Alves de Freitas
  38. Vinicius José Nascimento Costa e Samuel Henrique Oliveira Garcia
  39. Murilo Machado Nogueira e Gustavo Ferreira de Magalhaes
  40. DANIEL THIAGO DA SILVA e Paulo Henrique Rabelo da Silveira
  41. Adiel Gaspar de Azevedo e Marçal Bispo Raposo Filho
  42. Gustavo Martins Dos Santos e raphael de Sousa Ferreira
  43. Vitor Martins de Magalhaes e Breno Augusto Silva Dias
  44. guilherme henrique gomes da costa e luiz gustavo teixeira guimarães
  45. rafael ribeiro de araujo  e marcos emilho
  46. Leonardo Caixeta Dias e Gustavo Bernardes Vasconcelos
  47. Matheus caetano mattos e Maxuel da silva
  48. Matheus Leles Pereira e Vitor Martineli Braga
  49. carlos alberto de medeiros e gabriel moreira medeiros
  50. Vitor Teixeira Marra  e Daniel Amaral Carvalho
  51. João Paulo Pereira e Silva  e Junior Braz
  52. Yago Raphael Martins e gabriel silva vieira
  53. matheus henrique alves ferreira e phelipe nascentes de almeida
  54. EVERTON FERREIRA RIBEIRO e LUCAS RANDOLFO GONÇALVES
  55. ÁLVARO JOSE BORGES DE ARAUJO GODINHO e Ander Joaquim Fernandes
  56. Marcos Rodrigues de Oliveira e Bruno alves silva
  57. Breno Sousa Magalhães e Almir Soares Flor
  58. Matheus Leles Pereira e Vitor  Martineli Braga
  59. Alysson Batista e Luciana Borges
  60. Vitor Barbosa  e walace pardim
  61. Henrique silva  e Thiago Magalhaes
  62. Luiz Fernando de Castro Alves e Gustavo Cunha Menezes
  63. Bruno Henrique Simão Soares e Daniel Soares Galhardo
  64. felype bomtempo pereira e gustavo matheus martins de sousa
  65. Adriano Rabelo Spagnuolo Souza e Vinicius Diogenes Maia
  66. Daniel Rodrigues Camargos e lucas vinicius costa
  67. Danilo Lúcio de Lacerda Alves e Italo Cesar Silva
  68. Jheimim Oliveira Xavier e Woodson Pacheco Cunha
  69. LEANDRO OTONI VINHAL e WESLEY DE SOUSA COSTA
  70. luis farol de carreta e joao victor (duracell)
  71. Romildo Carlos Silva Júnior e Gabriel Felipe Silva Vaz
  72. Guilherme Adelio Felix Branquinho e Vitor Dias Bizarria
  73. LUIZ EDUARDO OLIVEIRA e VINÍCIUS MARQUES DE OLIVEIRA
  74. Adriel Gonçalves Barros e Hiago Cristian CVarvalho Barros
  75. Gustavo Peres e Gustavo Queiroz
  76. Fábio Adriano Alves e Welington Forró
  77. Avelino Cristino e Vitor Gensen
  78. Angelo Nascentes de Melo e João Vitor Amorim Melo
  79. Matheus Augusto de Melo Misael e Walace Gabriel Silva
  80. Gabriel Henrique Dias Rufino e Augusto Flávio Correia Oliveira

Duplas PM

  1. Robson Saturnino Silva e Valdeci Alves da Silva
  2. Joaquim Rodrigues Ramos e Pedro Joaquim Ferreira
  3. eduardo sousa borges e alexandre fonseca
  4. Diomasio Junior caetano e Rhenys da Silva Cambraia
  5. WESLEI MARCOS DA COSTA e HUMBERTO FAYNER DE OLIVEIRA
  6. Rosa Helena Maria Silva Araújo e Mariana Aparecida Silva
  7. Danilo Lúcio de Lacerda Alves e Italo Cesar Silva
  8. JÚLIO CÉSAR DE OLIVEIRA e IURY BORGES DE OLIVEIRA
  9. hiago crystian carvalho barros  e adriel gonsalves  barros

Diário de Bordo: Trilha Cachoeira dos Borges (buracão) o retorno

19/02/11 – Por Bruno Fernandes

A Cachoeira do Buracão (Borges)
A Cachoeira do Buracão (Borges)

Bom, primeiramente desculpe-me pela demora deste singelo diário de bordo. Fiquei off-line por dois dias e o noispedala por algumas horas. Mas como não pode deixar em branco esta excelente trilha, estamos aqui.
Trilhas de bike combina bastante com cachoeiras e infelizmente, em nossa região, há poucas cachoeiras que fica tranquilo de ir e voltar rapidamente. Uma muito bela que fica relativamente perto, é a famosa Cachoeira dos Borges, onde todos costumam chama-la de “Buracão”.
Há alguns anos atrás, ia bastante lá e quando comecei a engatinhar no pedal, um dos meus objetivos era ir até a cachoeira e retornar pedalando. No início parecia impossível. Sem contar que todo mundo me desanimava. Diziam: “A cachoeira é boa, mas a ida e a volta é cruel de ruim”. Só estradão, costela, poeira, ou seja, ingredientes que nenhum biker curte em uma trilha.
Só que chegou o dia de conhecermos, via estradão mesmo. Todo mundo preparado para rodar mais de 100 km e fomos. A história da semana passada todo mundo conhece. Tora nos guiou por um caminho semelhante, mas acabamos chegando pelo estradão.
Foi então que o Sérgio Zaggo adotou esta trilha como a marca registrada dele. Ele buscou via Google Earth todas as estradinhas e trilhas possíveis e acabou criando um caminho show de roda. É uma região com diversas montanhas e pouco plano. Muito bela por sinal, passando por estradinhas praticamente abandonadas e dois córregos.
Entretanto, é uma trilha bem pesada. Tem outra vantagem que é reduzir 10 km do caminho normal, encurtando o caminho para 45 km de ida e mais 45 km de volta.
Então decidimos retornar e conferir este caminho. Fomos 7 bikers. Dentre eles o retorno do Kuririn e do Luiz Matias. Não vou falar mais deles para não me chamarem de fofoqueiro. KKKKKKKK. Participaram além de mim e do Sérgio, o Aguilher do Cruzeiro, Marco Túlio e o Vaninho Star Lanches.
Um fato interessante foi que encontramos uma árvore que tem como fruto, água mineral engarrafada. Quem explica isso?
É isso aí galera. Que dia voltaremos lá?

Cobertura primeira etapa Copa Cemil de Ciclismo 2011

Primeira etapa da Copa Cemil de Ciclismo 2011
Primeira etapa da Copa Cemil de Ciclismo 2011

Foi iniciada neste último domingo, a Copa Cemil de Ciclismo 2011. Mais de 40 atletas de Patos de Minas e região participaram da primeira prova em formato circuito na orla da Lagoa Grande neste último domingo (20). Os atletas foram agrupados em seis categorias.
Deve ser ressaltada também a participação do público que compareceu em grande número ao evento, principalmente a família do Danilo Jéferson (Lazim) que fez uma grande festa com a primeira vitória do atleta.
Na elite, a definição ficou para o sprint final, onde quem levou a melhor foi Dheime Galvão.
O evento foi realizado pela Liga Patense de Ciclismo e contou com o apoio da Cemil, da Prefeitura Municipal de Patos de Minas e Noispedala.
A Prefeita Municipal Béia Savassi marcou presença com sua simpatia. Ela que teve a honra de premiar os ciclistas que receberam além da premiação em dinheiro, uma linda medalha personalizada.
O Noispedala deixa aqui registrado os parabéns aos organizadores, principalmente ao Pelezinho que realizaram um evento com bastante organização e também a  todos os patrocinadores.
Pelezinho parabeniza e agradece aos atletas que participaram da prova, em especial aos atletas de fora, de João Pinheiro, Patrocínio e Carmo do Paranaíba. Ele complementa dizendo que aguarda a presença de novas cidades nas próximas etapas.

Confira a classificação:

Elite
1º Lugar: Dheime Galvão
2º Lugar: Geison Rabelo
3º Lugar: Silvio Otávio (Cemil)
Sub-30
1º Lugar: André Carlos (Leréia)
2º Lugar: Wilson Ferraz
3º Lugar: Fabiano Batista
Júnior
1º Lugar: Danilo Jéferson (Lazim)
2º Lugar: Leonardo Rodrigues
3º Lugar: Matheus Ulisses
Master A
1º Lugar: José Gonçalves (Star Bike)
2º Lugar: Danilo Antônio
3º Lugar: Rogério Máximo (Mexicano)
Master B
1º Lugar: Rogério Dias (Professor)
2º Lugar: Gilton Alves (Cemil)
3º Lugar: Ronaldo Gonçalves (Tora Racing)
Estreante
1º Lugar: Guilherme Garcia
2º Lugar: Alex Moreira
3º Lugar: Denilson Carvalho(Lagoa)
A próxima etapa será realizada no dia 13 de março, na rodovia Santana de Patos / Serra do Salitre.

Diário de Bordo: Pedal Noturno na Trilha das Pedreiras

17/02/11 – Por Bruno Fernandes

Mais um pedal noturno
Mais um pedal noturno

Eram 18h52 quando cheguei ao ponto de encontro do dia, a Band Bike. Desta vez o Celinho que sempre nos prestigia, nos deixou na mão. O cara está lá em Caldas Novas curtindo e a gente aqui pedalando.
Estava tudo certo para sairmos às 19h. Quando o Doutor Kleber liga dizendo que vai atrasar um pouco. Ele não atrasou quase nada, apenas 5 minutos. Quem atrasou de verdade foi o mais caxias da turma, que inclusive ficou indignado de não termos deixado ele para trás. Foi o meu padrinho Gleidson e seu fiel afilhado novo Geomar.
Então às 19h10 saímos sentido Ponte em arco do Rio Paranaíba, passando pelo tradicional down hill da Vila Operária. Era dia ainda quando chegamos ao primeiro morro pesado. O João Young Flu Pivodrip afinou e já encomendou mais 10 dias de atestado. Que pena em Sérgio? O Doutor Kleber que o acompanhava, fez um trabalho psicológico com ele, mas não adiantou. Ele resolveu voltar. Com esta baixa, ficamos apenas com 16 companheiros.
Como o Banhão não foi (está recuperando do último tombo), minha câmera ficou na Power Bike, tivemos que improvisar com o celular do Iuri. Perdemos um belo por do sol, que por sinal deve ser o último da temporada, pois domingo finaliza o horário de verão.
E a disputa de faróis? A briga ficou entre o Weber Braz Eletrodiesel e Doutor Kleber. O Luis Farol de Carreta deixou a bike no hospital durante a semana e esqueceu-se de colocar a bateria para carregar e teve inclusive de ser socorrido pelo Sérgio Zaggo, que estava com quatro lanternas. Isso mesmo, quatro lanternas. Desta vez o Luis Farol de Lambreta Foi mais prudente nos mata-burros.
Temos que registrar também o retorno do Sargento Luis (Papai Noel Super Mario) que nos abrilhantou com sua alegria.
Depois de várias semanas com a galera torcendo o cabo da bike, este foi um pedal mais tranquilo, com muitas paradas, tendo então uma resenha de elite bem criativa. O assunto que predominava era a Cachoeira do Buracão, que resolvemos fazer a trilha novamente este sábado. Fiquei sabendo que até meu companheiro Heber Contador irá nos prestigiar. É verdade?
Depois então de muitas subidas, chegou o momento aguardado das descidas. Tudo sem alterações. Somente nas encruzilhadas, que haviam muitas macumbas. Inclusive no trevo do fim do asfalto, onde um preguiçoso fez lá mesmo.
Eram 21h50 quando chegamos à cidade, e uma parte da galera foi ainda tomar uma água de coco na Lagoa Grande.
É isso aí galera! Sábado tem Trilha da Cachoeira do Buracão, domingo primeira etapa do Campeonato Patense de Ciclismo. E claro, domingo dia 27 de fevereiro inicia a Copa Cemil de Enduro 2011 com a maior competição desta modalidade no Brasil, o enduro do 15º BPM. Está preparado?
E você? Já encomendou sua camisa do Noispedala? Já são 51 camisas vendidas.
PLANTÃO DO NOISPEDALA:
Iuri Scoton acaba de me dizer no MSN que o Doutor Kleber sofreu pra subir o “morro” da Major Gote em frente ao Banco do Brasil. Vamos treinador Doutor, e deixar o Roundup pra trás. Rs.

Domingo tem a primeira etapa do Campeonato Patense de Ciclismo

Copa Cemil de Ciclismo 2011
Copa Cemil de Ciclismo 2011

A ansiedade toma conta dos ciclistas de Patos de Minas. Inicia domingo o disputado Campeonato Patense de Ciclismo. A primeira etapa será no formato circuito sendo que terá como palco o maior cartão postal da cidade. As margens da Lagoa Grande.
A partir das 08h30min os organizadores já estarão de plantão para realizarem as inscriçoes dos participanete. A primeira largada está marcada para às 09 horas com a categoria estreante, onde os competidores irão pedalar durante 30 minutos.
O campeonato é realizado pela Liga Patense de Ciclismo, através de seu presidente João Eustáquio Pereira (Pelezinho) acredita que será um ano marcante para o esporte em nossa cidade, visto as provas importantes que serão realizadas. A primeira prova será realizada dia 20 de fevereiro com o formato circuito, nas margens da Lagoa Grande.
Todos os eventos da Liga contam com o apoio da Prefeitura Municipal de Patos de Minas, através da divisão de esportes. As categorias serão as seguintes:

  • Estreantes
  • Júnior
  • Sub-30
  • Master A
  • Master B
  • Elite

E aí? Está preparado?

Diário de Bordo: Trilha para a Cachoeira dos Borges (Buracão)

12/02/2011 – Por Sérgio Zaggo

O Paraíso
O Paraíso

Este nosso pedal começou no dia anterior, sexta-feira. Decidimos que íamos mesmo e seria necessário levar apoio.
Para isso convoquei o Bruno, a Elenice e o Euler para uma reunião, onde decidiríamos o que seria necessário levar, e estudaríamos a rota.
Enquanto eu estudava o roteiro pelo Google, deixei os três fazendo a lista de compras. Conclusão: conversaram de tudo, menos…
Dei tchau para os animados rapazes, fiz a lista de compras, despachei a Elenice pro supermercado e convoquei o Tora para estudar o roteiro.
Estudamos tudo e o Tora falou: “é mamão com açúcar, deixa comigo que eu conheço tudo, passa lá na fazenda dos caixetas bigodudos, sabe quais?”
Sei não, mas tudo decidido, tudo acertado, estávamos prontos para a nossa aventura.
Sabadão, 5:30 h da matina, horário de verão, tudo escuro, eu mal tinha dormido,tal era a ansiedade e a vontade de meter o pé no pedal, nas estradas Dazalagoas.
Fomos acompanhados pela família do Tora, e pelo Victor (nosso grande churrasqueiro, valeu Vitão) e  a namorada Marina. Também no time feminino estava a Raquel, que veio de BH só pra curtir o pedal, e aproveitou para se encontrar com o Walner,
No trevo dos pneus, reunimos a galera, éramos 15 bikers. O tempo estava maravilhoso, fresquinho e sem sol forte. A estrada é muito bonita, sem trânsito, sem porteira, sem colchete. O Tora ia guiando, eu ia conferindo pelo GPS. Lá pelas tantas, valeu a experiência do Tora, o GPS indicava uma rota que provavelmente seria impossível.
Descemos um morrão e aí tivemos um probleminha: O Banhão deixou escapar a roda dianteira e a magrela se desgovernou. Infelizmente ele se ralou demais, mas o cara é muito duro! Tenho certeza que qualquer um de nós teria chamado o apoio e voltado para casa, mas o Banhão só sacudiu a poeira e seguiu em frente, sempre alegre e bem disposto. Banhão, desejamos melhoras e aqui vai uma dica para todos nós, que nos foi trazida pelo Renato, diretamente de Congonhas: “força na subida e cuidado na descida”.
E aí chegamos no estradão. Oh dúvida cruel!
Esquerda pelo GPS, pelo caminho desconhecido que poderia ser mais curto, mas que poderia ser que o apoio não passasse?
Ou direita pelo estradão, pelo caminho mais longo e conhecido, e com a certeza de chegar?
O Tora decidiu pelo mais longo, pensando sabiamente que, se fossemos pelo caminho mais curto e desse zebra, o recurso seria não atingir a Cachoeira e abortar o passeio, voltando pra casa.
Seria frustração total!
Foi penoso, mas foi o mais certo, só agora eu vejo isso!
Confiram na imagem do Google a “volta” que demos.
Chegamos nas Cachoeira na marca dos 63 km e fomos recompensados pelo lindo visual. O lugar é realmente incrível, e com certeza voltaremos muitas vezes.
Ficamos por lá umas 3 ou 4 horas que passaram voando. Fizemos churrasco, tomamos suco, cerveja, refrigerante, uma verdadeira festa. Depois limpamos tudinho, e eu quero aproveitar para fazer uma sugestão: cada vez que voltarmos lá, vamos trazer, além do nosso lixo, mais um pouco de algum lixo que algum visitante descuidado tenha deixado. Que tal? Podemos deixar no tambor que fica no mata-burro da entrada.
A volta foi rápida, pegamos o estradão e aceleramos forte, só aliviamos Dazalagoas pra cá, e chegamos em Patos cansados mas revigorados, aí pelas 18:00 h, depois de um dia inesquecível de saudável pedal e agradável companhia.
E agora uma notícia de última hora: No domingo, eu, o Euler e o Edinho (Power Bike) voltamos na Cachoeira de carro, roteando com o GPS pela rota mais curta, e ainda pegando uns atalhos que nem o Tora Racing conhece (ele vai dizer que conhece, mas tudo bem…). Foram exatos 45 km contados a partir da Band Bike. Confiram o trajeto e a topografia do trecho na imagem do Google, dá pra ir sem apoio se fizermos o esquema de sair bem cedo como dessa vez.
Alguém tá dentro pra sábado que vem?
TRILHA DOS BORGES, O RETORNO. Desta vez por este percurso.