Diário de Bordo: Trilha do Aragão voltando pelo Rivalcino

31/03/11 – Por Bruno Fernandes

Está de volta o diário de bordo! Depois de mais de 30 dias sem relatos, estamos aqui.

18 bikers no pedal noturno

18 bikers no pedal noturno

Foi uma época complicada. Chuva e mais chuva. Na verdade desde o início do ano, podemos contar as quintas-feiras em que São Pedro colaborava conosco. Mesmo assim, não deixamos passar uma semana em branco. Era quinta-feira, e mesmo sob temporal, barro e lama estávamos lá.

Vou começar a relatar o que aconteceu conosco na terça-feira. Saímos para um pedal, eu, Euler, Sérgio e Walne. Na região de Paraíso de baixo, cerca de 25 km de Patos, encontramos uma D-20 atolada. Depois de horas de dificuldades para desatolar, conseguimos. Chegamos a Patos, na carroceria segurando as bikes 00h30.

Quinta-feira aguardada. Dia de pedal noturno. Eram 18h52 quando cheguei à lagoa grande, um novo ponto de encontro. Lotada de pessoas fazendo caminhando. Desta vez, também lotada de bikers. Que galerona, que animação. Éramos 18 companheiros

Depois de entrarmos em contato com o Renato Amaral e o mesmo que nunca falta, informar que não iria desta vez, saímos sentindo Avenida JK. Eram 19h06 quando saímos. Na saída já elegemos o fotógrafo da vez. Foi o Geomar, que mesmo apanhando da moderna câmera, fez excelentes fotos.

Chegamos às Molas Americanas, e após umas eleições frustradas, Marquinho Kxão prontamente aceitou ser o fecha trilha da noite. Bacana mesmo foi a quantidade de novatos que tinha nesta quinta-feira. Sejam todos bem-vindos e continuem conosco. Se algo tiver incomodado, favor deixar um comentário abaixo.

Passamos então a BR 365, descemos próximo ao Veraneio, subimos e seguimos a trilha do aragão. Foi muito bacana. A galera pedalou muito. Foi uma trilha show de roda! O clima de amizade imperava. Dois proprietários de lojas de bikes estavam lá. Guilherme Mundial Bike, mesmo tendo sofrido muito semana passada, caído e ainda perdido o cateye, estava lá firme e forte. Sempre dizia que ia até João Pinheiro. Também tivemos a presença do Eltinho da Bike Giro. Ele montou a bike ontem e já foi pedalar. E não é que o cara não desafinou? Ele pedalou muito também.

Quando estávamos na encruzilhada, ficou decidido que não iriamos passar nas granjas e sim subirmos o morro de cascalho solto, passarmos pelo Rivalcino e depois pelo milharal. A princípio não gostei muito da ideia, mas lá fomos nós. E por surpresa, o mato não estava alto e poucos pés de milho atrapalharam nosso acesso. Foi muito bacana. Alguns tombos, é claro, foram registrados.

Ah, não posso esquecer-me de mencionar meu mano Heber Contador, que mais uma vez desistiu no meio da trilha. Ele e seu parceiro da Autopatos resolveram descer a BR 365, não sei por qual motivo.

Devemos ressaltar também a participação do Euler Caixeiro Viajante, que foi um verdadeiro capitão do pedal noturno. Visto a presença maciça de novatos, ele sempre dava dicas e informava como proceder ao passarmos próximos à fazendas.

Eram 22h em ponto quando chegamos à cidade via Sebastião Amorim. Uma parte da galera foi para o Vaninho Star Lanches ainda jogar um sanduba pra dentro.

Compras de Terreno

O destaque da noite foi o Juninho, que caiu três vezes. E como quem cai três vezes, pede a música, ele pediu. Ele dedica a música Pa Panamericano a todos os seus amigos.

Outra compra de terreno que não pode passar em branco é a do Sérgio. Ele perdeu a roda da frente na descida depois da cascalheira e foi parar no chão. Mas nada grave. Nada que interrompa seus treinamentos.

É isso aí galera! Deixe registrado seu comentário aí abaixo! Queremos saber o que você achou do Pedal Noturno. E não se esqueça, quinta-feira tem mais.

Compartilhe

Comentários

13 Comentários para Diário de Bordo: Trilha do Aragão voltando pelo Rivalcino

  1. Flavio Fernando disse:

    Hehehehehehe!
    Ae manin…
    É assim que começa, kkkk, né não Bruno?
    Fica duro!!!
    abraço Júnior e pra galera do noispedala

  2. Euler disse:

    Pedal show de roda ontem !!!!!!!!
    Galera animada, tomara que daqui para frente estejam todos de volta e mais novatos chegando, vamos bombar esse pedal noturno.

    Geomar voce é o cara em !!! Pensei que voce só sabia abrir colchetes, também sabe tirar fotos.

    abraço a todos e até a próxima.

  3. Euler disse:

    Juninho, o Bruno te sacaneou com esse vídeo.
    Ve se não compra mais terrenos.

    kkkkkkkkkkk

  4. Juninho disse:

    foi boa a trilha,divertida, prazerosa e alegre
    Tombos engraçados,e faz parte

  5. E aí pessoal!
    O pedal ontem foi muito bacana mesmo!
    Descemos pela rodovia porque começou a ficar tarde e eu já estava muito cansado.
    Nunca havia pedalado mais de 23 km em um dia e ontem foram 31km!

    Da próxima vez, vou com vocês até o final.

    Abraços!

  6. Renato disse:

    Oi, a trilha de ontem (31km) é classificada como que nivel de dificuldade? é porq penso em ir mas talvez n consiga… rsrsrs
    obrigado.

  7. Júlio Simão disse:

    Foi nossa primeira pedalada noturna com esta galera, e foi show de roda, a galera e muito animada e em destaque queria agradecer o fecha trilha que o nome não me vem na lembrança, pela ajuda ao Júlio meu filho o mais novo integrante do noispedala, na subida do pesque e pague.
    Obrigado a todo pessoal.
    Até a proxima….

  8. BANHAO disse:

    essa foi boa quem cair pede musica fantastico rsrsrsrsrrsrsrsrs estarei na proxima

  9. Sérgio Zaggo disse:

    Caramba, os novatos deram show!
    Fiquei impressionado mesmo, que moçada animada.
    Quinta-feira tem mais, esperamos todos de volta.

  10. Amigos disse:

    Edinho Power Bike, meus parabéns! Parabéns pelo seu dia.

  11. markinho disse:

    Bruno coloca ai menino da porteira.

  12. Geomar disse:

    Foi de mais essa trilha. E ai Bruno na sexta feira as 6 horas voltei la e encontri meu catar.

Deixe o seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *