Diário de bordo: Trilha das Cavas 30/01/10

Mais uma vez aqui estou Euler Caixeiro Viajante tentando relatar o que aconteceu na trilha. O combinado era para sair 6h50min com 10 minutos de tolerância e acabamos

Antes e depois

Antes e depois

Saindo 7h30min esperando o Bruno. Depois de tanto esperar ficamos sabendo que ele não iria porque a bike dele estava com uma dor de cabeça forte da trilha noturna de ontem.

Saímos da praça da antiga Volks sentido bairro alvorada. Quando saímos da cidade pegamos o estradão. Contamos a galera que eram 14 bikers se não me engano foi o Recorde do sábado.

Fomos bem tranqüilos até a ponte do Bigode, subimos o morro depois da Olaria, daí para frente foi só trilha, praticamente começava nossa aventura na primeira descida.

O Gagame comprou o primeiro terreno. Fomos sentido Rio Paranaíba margeando ele, quando fomos atravessar um corregozinho com muita lama em volta o nosso fotógrafo Gleidson não perdeu um flash doido para um cair, ninguém agraciou nosso fotógrafo só o Gagame que não deu conta de atravessar montado e acabou atolando o pé na lama.

Logo em seguida saindo do córrego foi à vez do Felipe comprar mais um terreno. Passou um pouco veio o Sérgio Zaggo meio sujo. Notamos que ele tinha comprado terreno também, como o Sérgio é esperto ficava para trás só para ninguém vê-lo comprar terreno. Ele nos disse que foram dois que ele comprou e ninguém comprovou o que ele disse se brincar pode ter sido até mais.

Chegamos à travessia do riacho foi um pouco difícil achar o local para descer e atravessar, logo depois que atravessamos entramos literalmente na fazenda do Sr Alcir, uma simpatia em pessoa e ele queria ensinar para nós o caminho da estrada mais fácil, adivinha a resposta de todos ninguém deu ouvidos ao nosso amigo todos queriam só trilha. Enquanto conversávamos com Sr Alcir, chegou o Gleidson com o pneu furado. Enquanto o Gleidson trocava a câmara de ar o Flavinho Peter Pan viu uns leitões presos queria até fazer churrasco dos coitados. E fomos trilha adentro e água de todos estavam acabando, o Vaninho só dizia que tinha água à frente mais nunca chegava a tal água.

Descemos passamos em frente de uma represa com um morro violento para subir onde só quatro conseguiram subir montado Lazinho, Flavinho, Gleidson e Vaninho (cavalo esses quatro), e a tal água nada de chegar, andamos um pouco mais uma subida técnica e brava, andamos mais ainda e até que enfim chegou à bendita água (alívio para todos). O Gagame no início da trilha tava daquele jeito que todos conhecem fazendo graça cantando depois pensei que ele estava até passando mal, sumiu nem ouvia a voz direito dele. A única coisa que falava era tem mais morro ta chegando.

Descemos uma trilha show que o Gleidson disse que foi o melhor da trilha. Chegamos ao estradão e seguimos de volta para a cidade. Paramos na ponte do Paranaíba para fazermos a última foto.  Não posso deixar de comentar que tivemos dois bikers novatos na trilha de hoje. O Herculano que é de Socorro interior de São Paulo mais morava no Mato Grosso e mudou para Patos há pouco tempo entrou para a turma de vez e o outro é o Marcelo Grandão, (irmão do nosso amigo Eduardo Grandão) que veio de Belo Horizonte só para pedalar com a galera do NOISPEDALA.

E assim foi mais uma trilha show de roda como disse meu amigo Robinho.

Confira as excelentes fotos desta trilha dita por muitos que fizeram ela como a melhor de Patos de Minas.

http://www.noispedala.com.br/nggallery/page-6/album-1/gallery-59/

Compartilhe

Comentários

15 Comentários para Diário de bordo: Trilha das Cavas 30/01/10

  1. Gleidson disse:

    D+++ galera a melhor trilha que já fiz em dois e meio de pedaladas, com serteza a melhor da região até que me provem o contrario, há sem falar nos treze bikers que lá estavão caras bacana aqueles heheheh!!!!!

  2. Edson disse:

    aneim cara neim fiikeii sabendo…
    queria ter idooooo….

    que pena…

  3. gagame disse:

    Ai olha as fotos cai na decida ainda levatei i passei todo mundo.
    So piloto de fuga ne desculpa ai.
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  4. Kuririn disse:

    Poxa!!! se soubesse q o flavinho ia pra trilha… eu teria ido tamem, faz tempos q ñ pedalamos juntos… o cara anda sumido.

    Abraçao… pequeno grande amigo!!!!

  5. Flavim disse:

    Valeu esse pedal galera trilha muito boa, estava esperando um dessa ha tempos… quero ir em outras trilha e Robim vamos legar a galera no perau…?

  6. Bruno Fernandes disse:

    Tou com a ideia de marcarmos um pedal no Perau no fim de semana após o enduro do batalhão. Que tal galera?

  7. Herculano disse:

    Valeu Rapaziada!!!
    Trilha boa d + muito Louca!!! ,galera 100%. Até a proxima pedalada!!!
    PS: Parabens ao site “nois pedala”.
    Abraço
    Herculano

  8. Robimsr disse:

    Flavim…. Podemos ir uma turma menor para acertamos o caminho que está um tanto desaparecido de nossas mentes. Além do mais, temos que marcar a passada onde o mato está maior e/ou mais alto. Daí, voltamos no próximo final de semana coma turma completa. Acredito que será um excelente pedal. Show de roda….. O que voce acha da ideia????

  9. gagame disse:

    Ai bruno perau das aldurinhas beem legal la.
    Se de eu meu pai vai blz.

    FLW

  10. flavio do galo disse:

    E AI GALERA BLZ! Q PEDAL BACANA O DE SABADO FOI MUITO FERA PERDEU O NOSSO AMIGO BRUNO Q NAO FOI. PARABENS AO PADRINHO PELAS FOTOS OTIMAS. ABRAÇOS A TODAS

  11. Euler disse:

    Galera como disse o Gleidson umas das melhores trilhas de nossa regiao.
    Aguardem tem mais surpresas daqui para frente.
    abraços a todos

  12. Carlos Campos disse:

    OOOpa, e ai galera, fiquei sabendo no domingo dessa trilha fantastica pelo Euler, por coincidencia comentamos sobre o Peiral, eu o Euler e o Bruno. tamos dentro dessa falô Robinho e Flavim. Abraços pra todos.

  13. Carlos Campos disse:

    Ah, esqueci de escrever no comentario que o Magela e que foi o mentor do assunto do Peiral.

  14. Lucas disse:

    Gagame, vc já tem empresário? Abs, Lucas.

  15. Kuririn disse:

    Gata Seca!!!

    Ando meio sumido msm… pelo menos aki no site; mas continuo poraí no trecho… sozinho… fazendo uns treinos; outrora um passeio chupando umas manga… soh ñ pode parar.

    Ah!!!… eu desisti d fikar tentando descobrir sua verdadeira identidade… ate pq ja perdeu a graça. Mas se algum dia vc resolver contar quem realmente eh vc… eu aposto que ñ será uma surpresa.

    Abrç.

Deixe o seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *