Dia 13 de setembro tem Corrida Ciclística do Café em Serra do Salitre – MG

Acontecerá no próximo sábado, 13 de setembro em Serra do Salitre, a Corrida Ciclística do Café.

A prova será realizada em formato circuito, com 3km de extensão. O local escolhido foi a Avenida João Mariano, com largada próxima ao cruzamento da Avenida Brasil, um ótimo local para o público assistir a prova. O retorno será no trevo da Cooxupé.

A concentração está marcada para as 08h30 da manhã no local da prova. A largada será às 10 horas.

As inscrições poderão ser realizadas aqui no Noispedala. O valor para disputar a prova é de R$ 40,00.

A premiação será através de medalhas oficiais da competição do primeiro ao quinto lugar em dinheiro do primeiro ao terceiro lugar.

  • Elite – 300,00 – 200,00 e 100,00
  • Master – 200,00 – 150,00 e 100,00
  • Júnior e local – 100,00, 80,00 e 50,00
  • Feminino: 80,00, 60,00 e 40,00

A realização é da Prefeitura de Serra do Salitre e conta com o apoio da Câmara Municipal de Serra do Salitre, Sindicato Rural de Serra do Salitre e Polícia Militar de Minas Gerais. A coordenação é da Pelé Eventos e Liga Patense de Ciclismo.

Confira o cartaz oficial do evento

Cartaz oficial do evento

Cartaz oficial do evento

Local da Prova

local

Altimetria do local da prova

Captura de Tela 2014-08-21 às 11.41.38

Compartilhe

Comentários

2 Comentários para Dia 13 de setembro tem Corrida Ciclística do Café em Serra do Salitre – MG

  1. leandro disse:

    Ue cadê a open ou sub30 ?
    kkk

  2. Pedro disse:

    Certo dia eu estava com um amigo num lugar alto em Serra do Salitre. Era noite, céu estrelado por todos os lados. Ele era daquela cidade e eu perguntei-lhe que luzes de quais cidades eram aquelas e ele disparou apontando alternadamente para cada uma : Carmo do Paranaíba, Patrocínio, Lagoa Formosa, Rio Paranaíba, Araxá, Patos de Minas, Brejo Bonito, Santa Rosa de la Sierra, Estrela do Indaiá, San Jose de la Sierra… e o pau quebrou durante uma 1/2 hora!. Ele já estava ofegante vendo todo o mundo lá de cima, quando resolvi então rematar: "e aquelas luzes bem lá no horizonte quase que sumindo na curvatura da terra?" ao que ele sem guaguejar bradou para todo o oeste de Minas ouvir : aquelas luzes são da periferia de Moscou!…:)

Deixe o seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *