As aventuras de Sérgio Zaggo: Quarto dia

Caminho da Luz, Espera Feliz

Caminho da Luz, Espera Feliz

07 de julho de 2010 – Quarto dia

O quarto e último dia do Bilkeluz 2010, começou com temperaturas bem baixas, mas com aquele solzinho gostoso, na cidade de Caiana. Tomamos nosso café da manhã no Hotel Ventura.

O percurso seria de pouco mais de 40 km, leves, apenas umas poucas subidas.

Por isso a idéia era ir a ritmo de cicloturismo, curtindo o visual. Já dava para avistar o Pico da Bandeira no horizonte, confiram nas fotos.

Passamos por Espera Feliz e Pedra Menina, e seguimos para Galiléia, onde fizemos nosso lanche, sempre muito bem serviço pelo pessoal da “Rastro deLuz”.

Quanta natureza!

Quanta natureza!

A receptividade das comunidades é sempre muito bacana, as professoras da escolinha da Galiléia, sabendo de nossa visita, tinham preparado uma apresentação das crianças. Eles cantaram para nós, uma gracinha. E que educação, cumprimentaram um por um dos bikers, e repetiram a apresentação para um grupo que chegou depois.

Fizemos os últimos quilômetros com aquela mesma sensação que nos invadiu no final do trecho Curvelo-Diamantina: “que pena, acabou!”.

Parte do grupo pernoitou em Alto Caparaó para completar a subida a pé até o Pico da Bandeira, que é o terceiro ponto mais alto do país, com 2.982 m de altitude.

São 9,0 km de subida íngreme até o ponto mais alto. Tenho certeza que uns malucos de Patos iam querer subir no pedal, mas não ia ser mole não!

Quem quiser saber mais, pode acessar www.caminhodaluz.org.br, www.clubedecicloturismo.com.br e www.ciclomaiorque50.com.br

É isso aí Galera, foram 4 dias de bom pedal, paisagens maravilhosas e descontração total, valeu demais!

Nota da redação: Parabéns galera! A todos vocês que participaram desta cicloviagem e principalmente aos paturebas Sérgio e Elenice que descobriram e gostaram muito do cicloturismo. Em Patos de Minas estamos organizando o Caminho das Abadias. Em breve novidades.

Confira as fotos do último dia desta aventura

[nggallery id=124]

Compartilhe

Deixe o seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *